3 de ago de 2015

Os 11 lançamentos nacionais mais legais de agosto

Para ver os lançamentos gringos mais legais clique aqui
O plano era fazer esse post mensalmente, mas não rolou. Não desisti do plano, caso você esteja se perguntando. Agosto tá aí e o meu post de lançamentos também, aê! Está aberta aberta, logo, a temporada de tortura com os lançamentos marotos. A bienal tá batendo na porta e o que acontece nessa época já é de praxe: a gente baba no teclado do computador e come os dedos (depois de acabar com as unhas) para não comprar mil dilmas de livros no submarino. Se eu fosse gastar mil dilmas com os lançamentos, essas seriam minhas escolhas:


É Sarah Dessen, né galera? Eu ainda não desisti dela! Dos três ou quatro livros da autora que já li, só amei mesmo um - nos outros, morri afogada na minha própria expectativa. Continuo firme e forte, porque se ela tem essa quantidade danada de fãs, algum dos livros devem ser tão maravilhosos como A caminho do verão. Os bons segredos é o primeiro de Dessen a ser publicado pela editora Seguinte, e vai forcar em dramas familiares, protagonizado por uma garota negligenciada pelos pais em prol do irmão mais velho com tendência a se meter em enrascada. Além do potencial do enredo, ainda posso contar com essa capa maravilhosa. Amei, você não? Vamos, expectativas, não me afoguem novamente...


O segundo livro da série Batidas perdidas foi um tantinho decepcionante, mas estou um poço de animação para a terceira participação de Bianca Briones na minha estante. Isso tem um motivo que atende pelo nome de Rafa, aliás. Eu achava que o terceiro livro da série, A escolha perfeita do coração, traria um novo casal para o destaque, porém isso não é o que diz na sinopse - o que me deixa muito empolgada! Temos de volta, neste livro, o casal principal de Batidas perdidas do coração. Coisas que quero ter de volta nesse livro também: 
( ) Dor
( ) Sofrência
( ) Angustia
(XXXXX) Todas as anteriores
Queria também uma linha cronológica legal para a série, mas isso já desisti de pedir porque acho que não vai rolar.
Michelle Hodkin é miga amante do capitalismo e decidiu transformar sua trilogia em quadrilogia. Isso significa mais tempo ao lado de menino Noah, então:
É tudo que tenho a dizer sobre isso.

Eu gostei de A maldição do tigre, é uma das minhas séries favoritas. Não sei se teria o mesmo sentimento se lesse hoje, mas prefiro acreditar que sim. Motivo, então, para ficar atenta na nova série da autora. O despertar do príncipe é o primeiro livro de Deuses do Egito, e tem uma premissa bastante parecida com o best seller anterior de Houck. Nessa trama, também uma garota de 17 anos acaba se envolvendo com um príncipe egípcio, e parte pelo mundo para ajudá-lo a salvar a humanidade. Segue o esquema de etapas com uma aventura por livro, possivelmente com cliffhangers de fazer arrancar os cabelos metodicamente. No geral, me dê um OTP tão bom quanto Ren e Kelsey que estou de boa com qualquer semelhança ocasional. Embora aceitaria ser polpada do triangulo amoroso com algum irmão desse novo príncipe.

Está na hora de dizer adeus a Adrian. À Sidney e toda a trupe também, mas meu coração não está apertado por eles. Adiei ao máximo a leitura desse livro, mas O círculo rubí também está chegando no Brasil e está na hora de engolir o bolo da garganta e encarar de vez essa finalização. O último livro da série Bloodlines parece sensacional, ainda mais por conta ~daquelas coisas~ que aconteceram no livro anterior. Estou inclusive considerando reler os volumes anteriores para sofrer novamente e preparar o terreno para o terremoto que será esse livro. SAUDADES ADRIAN MOZÃO!






Se eu fosse organizadora de lançamentos de livros no mundo, teria um livro da Julia Quinn por mês. Talvez ficasse difícil de produzir tudo isso, então aumentaríamos o prazo para 45 dias entre um livro e outro NO MÁXIMO. Ela é maravilhosa, o que fazer? Qualquer livro dessa mulher é incrível, e o novo romance dos Bridgertons - que já o sexto, que significa já estar muito perto do final, que significa lágrimas nos meus olhos -, O conde enfeitiçado, vai ser sobre Francesca, que já apareceu como viúva no volume anterior. Apenas espero que a sugestão do título seja real e eu realmente me depare com um romance histórico cheio de personagens supersticiosos achando que feitiçaria é de fato a thing.  



Olha a máfia italiana dando as caras na literatura jóvi com mais frequência? Obrigada, editores e escritores, eu amo esses caras! Vingança é como se Romeu e Julieta fossem parte de famílias mafiosas e cheias de segredos e que escondem armas na meia e granadas no bolso interno do casaco. Absolutamente genial. Só estou um pouco receosa com o romance, na esperança de que seja muito mais ação do que melodrama de amor proibido. Não quero sentir como se estivesse relendo Sempre. No mais, olha só: a fonte do nome da autora não parece fonte de filme de ação adolescente? Sim, parece. Espero que não seja uma simples coincidência.



Não sei qual a intenção da capa, mas não gostei dela. Parece brega. Não vou de desistir de ler A voz do arqueiro - lançado pela editora Arqueiro, RÁ - por causa disso. O livro é o primeiro volume da série Signos do amor, que provavelmente terá doze volumes, um dedicado para cada signo do zodíaco. O primeiro é sagitário, o que me deixa um tanto surpresa, porque eis um signo que quase ninguém fala. Quais são as características dele, falando nisso? Vou pesquisar no google. 
Adoro signos, caso você não tenha notado.
Eu não estou fazendo grandes apostas neste enredo, que é mais uma história de superação e pegação, mas estou ANSIOSÍSSIMA para chegar o livro dedicado aos leoninos e ser repleto de personagens egocêntricos que curtem purpurina dourada.


Perdão mortal parece ser ótimo. Eu não entendi bulhufas da sinopse, mas tem a ver com uma garota, um casamento, um convento, poderes e deuses da morte. Um convento que transforma as pessoas em assassinas, aliás. Bem maneiro. Essa mistureba toda me lembrou The Wrath & The Dawn, que também casa adolescentes e está fazendo um sucesso danado na gringa. Assim, basicamente, todas as lembranças apontam para um livro danado de bom. Se bem que a sinopse tem a expressão "jogos mortais de intriga e traição" E QUÃO RUIM ISSO PODE SER? MUITO MEXICANO, AMEI!



Quero ler porque o nome dessa série de livros é o mesmo da minha série de TV favorita. Sim, sou lógica a esse ponto - por favor, disfarce o espanto. A capa é bem caidinha, mas eu vejo um potencial nessa trama. De repente é um new adult na realeza - muito The royals, porém com um dedinho de Diário da princesa no inicio. É o que parece, pelo menos, quando se lê a sinopse. Se tiver metade dos escândalos reais dos chuchus, aka família real britânica fictícia, vai ser bem excelente. 







Está tudo bem em mais um dia de aula, então uma menina começa a convulsionar no meio da sala. Não dá muito tempo, e várias garotas começam a fazer o mesmo. No geral, a trama de A febre parece muito com vários dos livros apocalípticos que a gente viu nos últimos tempos, mas o diferencial aqui, my friends, é que Gillian Flynn chamou de perturbador. Para Gillian Flynn achar algo perturbador, a bagaça desse ver muito pesada mesmo.

6 comentários:

  1. Oi Joana!
    Com certeza os lançamentos estão incríveis! Terminei de ler VA há pouco tempo e não gostei muito da forma que acabou, pois o Adrian é meu personagem favorito. Então estou louca para acompanhar Bloodlines. Bom saber que o último volume está chegando, vou ver se compro todos juntos e acabo logo com isso hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Dani! LEIA BLOODLINES <3
      Eu não gosto de VA (embora shippe muito Lissa com uma estaca e Romitri), mas sou apaixonada por esse spin off, é incrivelmente melhor. Bjs

      Excluir
  2. seu comentário sobre "a vingança de mara dyer" foi ótimo kkkkk e eu trouxa achando que era uma trilogia,fui enganada aff to louca pra ler,já li resenhas e todas eram boas em relação ao livro

    ResponderExcluir
  3. Ansiosa para o final de Bloodlines, mas estou incomodada com as adaptações da editora arqueiro. O conde enfeitiçado é um título horrível e não tem relação NENHUMA com o livro, poxa esse é o meu livro favorito da série podiam ter deixado o titulo em espanhol que é "O coração de uma Bridgerton". E sobre a série do signos do amor esse não é o primeiro livro da série mas é um dos meus favoritos, a imagem da capa é igual a original mas a fonte da letra é diferente e bem mais feia na minha opinião. Esse é o terceiro signo mas não tem problema porque as histórias são diferentes e não tem relações uma com as outras. A ordem dos signos até então lançados são: Leão, Escorpião, Sagitário, Aquário e Touro. O próximo vai ser Libra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Thalu!
      Então você está me dizendo que em O conde enfeitiçado não há personagens supersticiosos? Poxa! :/ hahaha
      Não sabia sobre a ordem de Signos do amor, estou ansiosíssima pelo livro dos leoninos!
      Obrigada pelo comentário <3 Bjs

      Excluir
  4. os lançamentos estão incríveis, to louca para começar Bloodlines

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!