31 de jul de 2015

Entrelinhas • Tammara Webber


Entrelinhas #1Autora: Tammara Webber
Editora: Verus
ISBN: 9788576863861
Páginas: 347
Comprar
Na minha cabeça, quando um autor fica muito consagrado dentro de um gênero, ele é obrigado a se manter nele. Obrigado por motivos de que faz bem e vende bem, não obrigado do jeito que ninguém é obrigado a nada. Sacou? Espero que sim. Essa é uma teoria bem ridícula, porque dia desses mesmo eu li A procura de Audrey, young adult da Sophie Kinsella, e é completamente genial mesmo não sendo chick lit. Mas isso foi depois de ler Entrelinhas, quando eu ainda tinha essa ideia boba da prisão de gêneros.

Entrelinhas é de Tammara Webber, best seller com o new adult Easy. Por questões lógicas, Entrelinhas também seria new adult. Em minha defesa, ninguém na timeline comentou o contrário. Porém estou agora comentando para informar os desavisados: alerta de YA.

Emma é uma atriz secundária de filme para televisão. Ela tem 17 anos, queria ser ~uma adolescente comum~, mas está presa na carreira de atriz por expectativas do pai e da madrasta. Sua grande chance em Hollywood é o papel de Lizbeth, numa adaptação high school de Orgulho e Preconceito, seu livro favorito. Sua vida vira do avesso e a mídia cai em cima quando ela começa a contracenar com Reid Alexander, um ídolo do cinema, que fará o papel de Darcy. A proposta do livro, a principio, é que a química saia das telas e os paparazzi enlouqueçam e ela se fruste com sua vontade de ser uma reles mortal.

            MÉ
                        MÉ

Reid e Emma dividem a narração dos capítulos. Para mim, isso era sinal de que teríamos a oportunidade de acompanhar dos dois ângulos o desenvolvimento do relacionamento, de uma forma coerente e lógica. Isso era, claro, quando eu imaginava ser esperta e acreditava que Webber escreveria NA para o resto da vida. Enfim. Minha surpresa começou que enquanto mais tempo a gente passava junto de Reid, mais babaca ele se mostrava. Comentários ridículos, imaturos, atitudes idiotas... Definitivamente, nada da idealização típica dos protagonistas masculinos.

Poxa, eu curto a idealização típica dos protagonistas masculinos.

Um protagonista ruim em um romance, tanto sendo se o adulto é jovem ou novo, é receita falha no negócio do shipar. Emma também está longe de ser ótima, mas acredito que se ela tivesse o mínimo de determinação, seria uma personagem aceitável. Mas ela não é. Emma é chata. Egoíííísta.
Aí a menina está lá, vivendo o grande sonho americano, sendo paga para beijar o solteiro mais cobiçado, cercada de gente popular e divertida... E ela não passa empolgação, sabe? Fica só ligando para a melhor amiga, Emily, que é tão relevante para a People quanto euzinha, para reclamar sobre sua complicada vida de celebridade em ascensão. Realmente complicado, querida, estou com dó.

Não muito tempo atrás, li Tocando as estrelas, um livro com plot praticamente idêntico. Assim como em Entrelinhas, a autora de Tocando inseriu triângulo amoroso, falou de assédio da mídia, de distorção de fofoca e de manter relacionamento com pessoas antes da fama, e fez isso muito bem, pois NÃO forçava a barra dos personagens. A impressão que dá é que Webber trazia a tona a chatice dos personagens propositalmente, como se me pedisse para bufar de suas atitudes. Se era esse seu propósito:
No geral, a leitura foi cansativa. Com poucos bons momentos, Entrelinhas não convence pelos personagens principais. Tudo bem que são humanos e erram repetidamente, mas vamos ser um pouquinho mais simpáticos enquanto fazemos péssimas escolhas? Eu achava que Easy tinha sido um livro ok, mas ele foi promovido a okay para deixar as míseras duas letras para esse companheiro aqui.

Um comentário:

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!