3 de jun de 2015

Cinderela Pop — Paula Pimenta


Autora: Paula Pimenta
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501103581
Páginas: 160
Comprar
Quando li O livro das princesas, gostei do livro como um todo porque amei o conto da Paula Pimenta sobre a Cinderela. Então você nem imagina a animação que fiquei quando vi que a autora tinha assinado contrato para escrever uma série sobre princesas modernas, inclusive, voltando à Cinderela. Foi meio decepcionante, daí, quando saiu o primeiro livro, inspirado na Bela Adormecida, e a timeline não ficou cheia de amor. Eu não li. Mas, claro, não podia pular o livro sobre a personagem que mais adorei, certo? 

Então eu li Cinderela Pop

E não sei se continuo tão animada com essa série de livros.

Assim como Princesa Adormecida, Cinderela Pop é minúsculo. 160 páginas é um número razoável para uma adaptação de conto de fadas, tudo bem, mas o conto que participou daquele primeiro livro já tinha mais de 100 páginas. É uma versão estendida de leitura rápida, mas repetida. São poucas cenas acrescidas, fofinhas, mas, repito: repetidas! Quando eu vi que a história ia seguir os mesmos passos, foi um banho de água fria. Eu não sei o que estava esperando, mas não era isso. Não era isso assim, pelo menos.

Mesma história, você lembra? Cintia mora com a tia, trabalha como DJ nas horas vagas e tem um relacionamento conturbado com os pais (a mãe mora do outro lado do mundo, o pai é um canalha traíra). Então ela trabalha numa festa, fantasiada, conhece um cara legal e perde o tênis. O resto da história você já conhece - não porque já leu o conto (embora também), mas porque Cinderela é sempre Cinderela. Mas quero deixar bem claro que não é a previsibilidade que faz perder pontos.

O que Pimenta acrescentou nessa versão ~final~ são mais parágrafos de descrição e divagação de Cintia sobre sua vida. Nada que, de fato, faça alguma diferença significativa. Só deixou ainda mais cansativo reler aquela mesma história tendo novidades que não aumentam o grau de fofura ou de agonia para que tudo encontre uma solução. Vale lembar que essas partes novas foram cortadas da edição que virou conto então, correndo o risco de dizer o óbvio, são trechos bem irrelevantes. Abrindo uma pequena exceção para duas entrevistas que Frederico, o príncipe encantado moderno, deu para um blog - isso sim foi algo bem vindo.

Eu não sei se gostei ou não. Talvez ficasse especial se Cinderela Pop fosse uma continuação, se mostrasse um outro ponto de vista ou realmente estivesse mais longo (afinal, dado o tamanho dos últimos volumes de Fazendo meu filme, a gente sabe que Paula Pimenta consegue escrever muito). Claro que é uma história legal, fofa e com bom desenvolvimento, mas já foi assim n'O livro das Princesas. Algumas poucas páginas a mais não são suficientes para um livro único. Se você quer ler, opte pelo livro de contos.

2 comentários:

  1. Eu continuo morrendo de vontade de ler esse livro e como não li o livro das Princesas acho que vou gostar sim, já que não tenho um livro anterior pra comparar! hahaha
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ah...poxa vida, nesse caso entendo demais a sua frustração, vc vai com uma expectativa q vai ser um livro diferente e na verdade é a mesma coisa, mas com uns paragrados a mais...aiai.
    Para mim era uma continuação do que a Paula Pimenta tinha escrito no livro das princesas. Eu não li os contos ainda e quero ter a coleção completa dos livros que forem de releituras de contos de fada, entao eu devo ainda comprar o Cinderela Pop.
    Acho as capas lindas, realmente foi um belo trabalho.
    Bjus

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!