19 de mar de 2015

5 motivos para assistir (e um para não assistir) The DUFF


Enquanto nenhuma distribuidora brasileira se encanta pela proposta de The DUFF, precisamos ver nossos amigos gringos comemorarem mais um filme adolescente no cinema. Não sei você, mas eu sinto uma falta danada desse tipo de produção longe do selo da Disney. Então, quando tem algo novo assim, o negócio é ser rata em site de torrent e torcer para os russos disponibilizem de uma vez uma boa cópia. E os migos da mafia nunca falham nessa missão. Você quer assistir de The DUFF? Eu te digo porquê.

1.Novo clássico adolescente? Possivelmente

Vários críticos já fizeram sua aposta e colocaram The DUFF ao lado de filmes como Mean Girls e Easy A. Você sabe, this means something. Esses filmes são conhecidos por contar clichês de um modo ironicamente original, e é o que esse filme faz. É a história sobre labels na visão de uma garota que não acredita nelas... até ganhar uma, e o que não definia sua vida, de repente, parece ganhar uma proporção enorme - assim como foi o plano contra as plásticas de Cady e a fama de ~fácil~ de Olive. Bianca era uma garota normal até descobrir que era a amiga feia do grupo E OPA SOPA, perai um minutchénho, vamos conversar a respeito disso.

2. Tem cena de makeover sim, senhor!

O que é uma das coisas que mais considero especiais em qualquer filme. Você pode me dar um documentário sobre a vida das árvores, mas se alguém fizer uma transformação, pode catar euzinha assistindo animadíssima! Em The DUFF, Bianca decide pedir ajuda para o babaca que a chamou de DUFF a deixá-la o tipo de garota que recebe elogios pela aparência. Claro que a ideia é bem imbecil, mas é um filme e eu quero cenas coloridas no shopping, obrigada de nada.

3. Os personagens são tão bons que até o esteriótipo é okay

É sério, isso existe. Todos os personagens do filme seguem aquele padrão que eu, você, a vó do seu vizinho conhecem. A surpresa é que isso dá muito certo, todos são únicos e divertidos ao seu modo. Até a ~vilã~, vivida por Bella Thorne, tem um certo carisma de modo tragicamente cômico.

4. Você acha que passou 15 minutos, foi uma hora

Eu já falei que filmes me entediam fácil, fácil, então jogo os braços pra cima quando assisto algo sem sentir. O diretor fez um trabalho maravilhoso na fluência da história, avançando rapidamente sem deixar de contar nada. Por mais curtas que sejam, as timelines são bem calculadas e se conversam muito bem. Parece bobo, mas é digno de nota.

5. E o gostinho de quero mais?

Existe e existe forte. O final de The DUFF é tão fofinho e cheio de amor que a vontade de que termine é nula. Você quer mais e mais, e vamos encontrar mais histórias para contar, por favor! Sabe aquele filme que você termina e pensa: "hum, quero rever"? This.

1 motivo para não assistir: "Quero ver meu livro favorito na tela grande!"

Não. Tipo não mesmo. Como adaptação, The DUFF é muito ruim. Aliás, nem pode ser chamado de adaptação: a história é completamente nova - em todos os sentidos. Com exceção da label DUFF e dos nomes dos personagens, tudo é diferente. Tudo. O clichê do filme não tem nada da proposta do livro, então se você quer ver o que leu, pode esquecer. Mas é bom mesmo assim.

Um comentário:

  1. Como eu sempre digo aqui no teu blog, teu gosto é parecido com o meu nesse ponto. Gosto muito de clichês adolescentes, rs. Vou ver The DUFF assim que der.

    Clara
    @clarabsantos
    clarabeatrizsantos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!