18 de fev de 2015

Simples perfeição — Abbi Glines


Simples Perfeição — Perfeição #2 — Rosemary Beach #5Sem spoillerAutora: Abbi Glines
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580413571
Páginas: 208
Comprar
Eu já falei bastante sobre Simples perfeição por aqui, não? Falei bastante, também, no twitter. Se por acaso você não tenha visto nada, clica aqui e vá para o post que discuti sobre o machismo de Abbi Glines, porque aquela é a base para esta resenha. Simples perfeição é um insulto a todos os ideais feministas que a internet tenta disseminar, e desculpa, mas eu não consigo não ficar irritada com isso.

A história vai seguir do exato ponto em que Estranha perfeição terminou e vamos ter aqueles mesmos personagens lidando com os mesmos problemas. É a família rica de Woods não gostando da pobre Della, que, por sua vez, continua lidando com seus traumas de infância. Boa parte da história vai dando voltas nesses dois plots, interligando-os e enchendo de momentos absurdos de superproteção e submissão. É a forçação de barra já costumeira de Abbi Glines conseguindo alcançar novos níveis. 

Eu dei duas estrelas para o livro porque chega um momento em que surge aquela luzinha fraca no fim do túnel. Depois de muito mimimi, a autora faz parecer que há esperança para esse relacionamento disfuncional e faz os dois personagens lidarem com os próprios problemas separadamente. Força a barra aí também, porém, no meu lugar de leitora, foi a única vez que consegui respirar pelos personagens - por Della principalmente. Eu senti, mesmo que por pouco tempo, que era possível o casal criar uma relação tranquila, igualitária, em que Woods deixasse Della tomar suas próprias decisões e que ela visse que é possível agir por si só. Funciona, mas por pouco tempo. É um romance, afinal de contas, e dizem por aí que o gênero exige que as pessoas trabalhem como duplas ao invés de solo. 

Então, depois que a luz acendeu e as coisas pareciam indo bem, houve uma bela frase que me fez perder qualquer resquício de expectativa para com o livro. Não havia mais luz, só breu. Por favor, atenção:
"Ele estava me monitorando. [...] Meus olhos se encheram de lágrimas e eu não me importei. Eu queria chorar. Eu estava feliz. Eu era amada."
Depois disso há uma sucessão de tiradas impagáveis, uma pior que a outra. Abbi Glines desfez seu pequeno avanço e cortou nossa relação de vez. A grande vantagem da autora é sua narrativa absolutamente fácil, que tornam seus livros uma leitura rápida, porém cinco livros foi o basta para mim. Quero essa escrita sem mensagens machistas, então talvez eu volte a ler Glines quando ela desistir dessa síndrome infinita de Malhação, que nunca inverte e sempre o cara é rico e a garota é virgem. 

2 comentários:

  1. aaah, você é uma vitoriosa por conseguir ter chegado ao final deste livro em.
    saudades de quando eu lia Abbi e não me cansava nunca... porque olha, tentei começar este 2 vezes e não consegui ir para frente o.o
    esse quote olha... machista nível um milhão

    ResponderExcluir
  2. Onde já se viu, alguém ter o 2° livro ao invés do primeiro? Sim, eu.
    Acabou acontecendo um erro com um que ganhei de alguém, e acabou vindo o segundo volume. Que sorte. Odeio mulheres machistas e também feministas. Mas acho que se alguém se submete nesse ponto por alguém, ou gosta, ou é idiota. A tratar mulher como burra e que precisa ser mega protegida. Vi que os dois livros são quase a mesma coisa e fica no blábláblá. Sério, que 'uó' de quote '-', que mulher tonta '-'
    Acho que a Abbi deve ter um marido que nem liga pra ela '-', por isso deve fazer isso tudo com personagens. Gente, sério, já é perturbador um comportamento deste.
    Abraços Joana.

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!