11 de jan de 2014

Álbum de Casamento — Nora Roberts

Quarteto de Noivas #1
Autora: Nora Roberts
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580412215
Páginas: 288
Nota: 
Extra: Promoção Final de ano Especial
Comprar

Dizem por aí que um dos meus maiores déficits literários era nunca ter lido Nora Roberts, vulgo Rainha do Romance com R maiúsculo. Ela figura o topo da lista de autores favoritas de muita gente com gosto literário parecido com o meu, e, supostamente, é impossível não gostar. Não sei se o pessoal diz isso para induzir você ou aumentar suas altas expectativas, mas já sabemos que nesse segundo caso, as coisas costumam não ser 100%. Afinal, não espere encontrar uma rainha de qualquer gênero quando você tem várias rainhas de todos os gêneros. 



Álbum de casamento é o primeiro volume de uma quadrilogia (?) que fala sobre, basicamente, festas de casamento, bem comédia romântica mesmo. Nesse livro somos apresentados a um grupo de quatro amigas que comandam uma empresa que organiza o tal evento e que, além disso, vivem seus próprios dramas amorosos. Para começar a jornada, a protagonista da vez é Mac, a fotógrafa da Votos, ironicamente contra a instituição matrimônio. Ela não acredita em felizes para sempre, acha que tudo acaba em divórcio - como foi com seus pais - e só restam os momentos felizes retratados em suas fotos. Então sobra para Carter, um belo professor de inglês que tinha uma quedinha por ela no colégio, mostrar que nem tudo são flores secas.

É clichê, absolutamente clichê. Não estou dizendo que esperava algo fora do comum e surpreendente a cada página, mas para a Rainha do Romance? Álbum de casamento é construído em cima de uma forma de mesmices para todo mundo que já assistiu sessão da tarde. Protagonista que não acredita em casamento: Check. Frustrada por culpa dos pais: Check. Herói apaixonado que vive, respira e não tem defeitos: Check. Que teve o coração partido: Check. Que é bonitinho, daquele jeito meio nerd, que não despertava olhar nenhum durante o ensino médio, mas que mexe com o seu coração mais do que Mac quer admitir: Check, check, check. 

Não estou dizendo que por ser clichê, esse seja um livro ruim. É muito bom, apenas nem um pouco inovador. Ao abrir a primeira página, você sabe no que aquilo vai dar. Você sabe até quais serão as respostas feitas sob medida para dobrar a protagonista e roubar o coração de quem está lendo. Nora tem uma escrita super agradável, e você vai lendo mais e mais um pouco porque as palavras tem uma fluidez impossível de largar, porém não porquê está realmente envolvida com o enredo e repleta de dúvidas sobre os futuros acontecimentos. Não é empolgante, não coloca borboletas no estômago. Posso estar enganada, mas para mim, isso é coisa de, no máximo, duquesa do romance. Com D minúsculo mesmo.

Por não ser surpreendente ou apaixonante, Álbum de casamento é um livro um tanto comum. Numa capa, quando o nome da autora é maior que o título, o peso é muito grande e precisa de muito mais dedicação que um outro volume qualquer. Nora tem muitos livros lançados, e sabemos que não é bem assim para manter o nível em todos, então devo assumir que tive a má sorte de começar logo por um dos mais fraquinhos? Por mais que eu tenha visto o nome da autora em inúmeras listas de melhores do ano, para mim, Nora foi só mais uma. Uma boa, mas isso encontramos em toda prateleira.
Beijinhos ♥

5 comentários:

  1. eu me irritava por todos falarem bem na Rainha do Romance e nunca ter lido nada também. acontece que em dezembro li um livro dela, com tema natalino (Dom de Natal), e também senti isso: que para uma autora tão elogiada, ela fica nessa mesmice ai...
    eu gostei desse livro dela porque a escrita dela é ótima. flui muito rápido, e não é aquela coisa chata.
    confesso que gosto de livros clichês, desse que a gente abre na primeira página já sabendo quem ficará com quem... quem casará com quem... hahaha
    este parece ser bem meu tipo. que pena que você gostou mas não gostou tanto assim kkkkkkk
    quero ler logo *-*

    ResponderExcluir
  2. Não tenho nada contra livros clichês,alias eles são ótimos para ler depois de um livro "pesado". Quando voce simplesmente não se importa de saber o começo,meio e fim do livro. O que conta nessas horas é a escrita da autora.E pelo pouco que conheço de Nora,a escrita dela é muito boa.Tenho interesse de ler Album de casamento :)Beijoo

    http://melanciapink.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu não faço parte do grupo de adoradoras da Nora Roberts... acho que há livros e livros. Sou uma pessoa que adora clichê, mas acho os "ingredientes" sempre os mesmos e isso de vez em qdo cansa e confunde... já cheguei a misturar duas histórias dela achando que se tratava da mesma. Eu gosto da Nora, mas ela ainda não conseguiu me cativar, me fazer dizer um "PQP" no meio da história.

    Mas, falando de coisa boa, leio "os Irmãos Mackade", eles são ótimos... enche um pouco o saco a guerra de secessão, que serve de fundo para as 4 histórias, mas as histórias são boas.

    ResponderExcluir
  4. Também não li Nora Roberts (ainda). Mesmo sendo clichês, eu adoro, descansa a cabeça!
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Tenho esse livro e assim que nem você será meu primeiro contato com essa renomada querida autora. Não é meu gênero favorito (que claramente é voltado p/ o público feminino), mas não tenho absolutamente nada contra, então um dia lerei, apesar desse monte de clichês.
    Tomara que eu goste, que seja uma boa leitura.

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!