29 de dez de 2013

Seriados — Melhores e Piores de 2013!

2013 está acabando, hora de fazer os balanços - e mais listas. O que teve de melhor, de pior, de tirar o fôlego e de dar sono. E a retrospectiva, aquele momento maravilhoso em que você exercita mais a memória do que em prova de matemática. Então vamos dividir em temas, separar categorias e falar sobre os destaques positivos e negativos. Pegue sua watchlist, vamos começar por ela!
Reign é a melhor série do mundo, né? Eu sei, nem precisa responder, a pergunta é retórica mesmo. Histórica, real, e totalmente sem defeitos. A adaptação da história da Mary, Rainha da Escócia, feita pela CW, não erra em nada: tem um roteiro maravilhoso e de tirar o fôlego, figurino de babar, trilha sonora perfeita e folk, além de um dos ships mais amor do ano (Frary, ok, FRARY).  Merece segundo lugar: Orphan Black.
Uma coisa que ninguém pode negar é que Teen Wolf é a série que mais samba no recalque alheio. Com um pano de fundo clichê, uma primeira temporada fraquíssima e rostos desconhecidos, temos aqui uma das melhores séries da atualidade (perde só pra Reign, por motivos óbvios). E 2013 foi um ano de ouro pra esses roteiristas, que fizeram a primeira metade da terceira temporada ultrapassar as barreiras do incrível. Não importa quantas vezes eu assista, o episódio Motel California ainda me deixa no chão. Merecia segundo lugar: Arrow.
Poucas séries me fazem rir tanto como Trophy Wife, a única comédia da fall season que vale a pena acompanhar. A história da despreparada Kate entrando numa família já enorme é um clichê ambulante, mas conquista seu lugar ao sol com as boas piadas e caras e bocas do pequeno Bert. Só espero que os produtores da ABC pensem assim como eu. Merecia segundo lugar: The Crazy Ones, apenas pelo piloto.
Quem achava que todas as piadas nerds já tinham sido contadas cinco anos atrás, precisa de gelo para os tapas de luva que The Big Bang Theory está dando. O final da sexta temporada teve episódios ótimos e seu retorno em setembro garantiu risadas em toda santa quinta (ou quando o torrent estivesse disponível). Pode ser que o futuro não seja muito longo, mas nesse ano, TBBT se deu bem e bateu recordes. Só eu que não canso de Sheldon? Merecia segundo lugar: How I met your mother
A terceira temporada de Awkward começou com aquele sentimento de hm, os roteiristas se perderam com o dobro de episódios, mas ledo engando. 10 episódios e Jenna abraçou o lado v1d4 l0k4 da vida. O mundo caiu, a série ganhou outra cara, os fãs que abandonaram voltaram, os que continuaram, vibraram. Se Jenna não tivesse trocado Mattymaravilhoso por Colingatchénho, os últimos 10 episódios não teriam sido os  20 minutos mais esperados da semana. Merecia segundo lugar: Peter Pan e Henry em Once Upon a Time
Vivo batendo na tecla que as pessoas não assistem The Neighbors e torcem o nariz para essa comédia maravilhosa, mas minha gente, não tem como não amar depois do episódio September Fools, segundo da segunda temporada, o mais engraçado dos episódios engraçados. Se não sabe porque assistir uma série de humanos vivendo num condomínio de alíens, comece aí e será convencido. Merecia segundo lugar: The Love Spell Potention - The Big Bang Theory
Só o fato de meus olhos enxerem de água é a prova que nenhum episódio foi tão triste (ou dramático, chame como quiser) quanto The Quarterback, para darmos adeus a Finn. Precisa falar mais? Merecia segundo lugar: Hotel California - Teen Wolf
Existem seriados e existem seriados. Uns são engraçados, outros são dramáticos, outros são tensos, outros são simplesmente amor. E por isso que o prêmio de episódio amorzinho do ano vai pra qualquer coisa que Hart of Dixie apresentou em 2013. Eike seriado pra ser lindinho. Merecia segundo lugar: TUDO PRA ZOE, TUDO PRA ZOE.
2013 não foi um grande ano de estreias, mas nada supera The Tomorrow People como a novidade mais ZZZZZZZZZ. Precisa falar sobre ela? Precisa de um saco de paciência pra assistir e não sei como ainda tem gente que assiste. Mania chata de americanizar sucessos britânicos. Não rola, CW, não rola! Merecia segundo lugar: Witches of East End
Desculpa, internet, mas Pretty Little Liars não dá mais, né? A ABC Family finalmente sentiu o gosto do sucesso em alguma trama e então começou a bater na mesma tecla sem se importar com a câimbra no dedo. A história está repetitiva, mal amarrada, com mais furos que queijo de desenho animado de ratos. Sem dúvida que essa será renovada e renovada e renovada, cansando cada vez mais, mas sem dúvida deveria ter acabado em 2012. Merecia segundo lugar: Revenge
Fazer uma mid-season finale de tirar o fôlego é uma artimanha cruel que quase todos os roteiristas apostam, mas nenhum foi perverso que os criadores de Once upon a time com o episódio Going Home. Cada segundo dos quarenta minutos foram sensacionais, mas o ápice sem dúvida foi o final, que puxou todo mundo para 2014, torcendo que chegue março de uma vez. Merece segundo lugar: Tomorrow Never Comes - Nashville
Primeiro ano sem Gossip Girl em muito tempo. Um janeiro sem retorno de mid season, uma fall sem estreia. COMO DÓI! Chuck, pfvr, volte! Merece segundo lugar: Jane By Design
Sei que estou provocando e logo mais todo o fandom de The Vampire Diaries vai aparecer aqui para me xingar (como adoooooram fazer), mas não consigo mais aguentar esse elenco e essa história. Diferente de Teen Wolf, Julie Plec e companhia não conseguiram renovar uma mitologia saturada e só enrolam numa mesma trama. 2013 foi um porre para essa série! O que dizer de uma série de vampiros em que os personagens morrem e retornam dos mortos mais do que bebem sangue? Merece segundo lugar: Glee
Uma atriz, uma série, mais de sete personagens. Tatiana Maslany é quase um gênio de atuação, que faz Orphan Black ser cada episódio mais genial. Ela é Sarah, Cosima, Helena, Alison, Kadja... E mais outras pessoas que é spoiller mencionar, além de outras que os roteiristas ainda não nos apresentaram. Se Golden Globe fosse esperto, esse seria o nome das cinco indicações de melhor atriz e nas cinco de melhor atriz coadjuvante. Merece segundo lugar: Tatiana Maslany, já que ela é todo mundo
E mostrando que mais que um rostinho muito bonito, 2013 foi o ano do Hook para Once upon a time. Colin O'Donoghue teve um papel de exímia importância no final da segunda temporada e deu o ar da graça em todos os episódios apresentados até agora na terceira. Ele tem um sotaque lindo, carga emocional e vive um dos personagens que a gente ama, mas achamos que temos que odiar. Merece segundo lugar: Stephen Amell - Arrow
Em Once Upon a Time, Regina é sempre a melhor personagem. No ano como um todo, Regina é sempre quem mais mexe com nosso coração sendo boa, má, cruel, sádica, carinhosa e uma ótima mãe para Henry. Ela tem sentimentos e gasta todas as suas aparições na série, mostrando o quanto são contraditórios. Eu amo Regina. Eu odeio Regina. E ela é a melhor personagem do ano. Merece segundo lugar: Barney - How I met your mother
Dessa vez, veio em dupla. Tem como encontrar personagens mais insuportáveis no mundo que Deacon e Scarlett, de Nashville? O gene da chatice é de família para esses dois, e tio e sobrinha dão vontade de abandonar a série para não precisar ouvir suas vozes chorosas. A gente não abandona, mas tem tempos que não pulo uma cena dos dois. Merece segundo lugar: Elena I CAN'T I CAN'T - The Vampire Diaries
Colocar gente nova num cast fixo é um risco para qualquer série, mas pode muito bem dar certo e ser a melhor coisa que acontece para aquele enredo. Samantha Jones chegando na vida adolescente de Carrie Bradshaw foi golpe de mestre dos produtores de The Carrie Diaries, já que a novata é maluca, desequilibrada e deixa a vida nova iorquina muito melhor. Não vai salvar a série do cancelamento, mas vale enquanto durar. Merece segundo lugar: Barry - Arrow
Só vi gente amando, mas desculpa, Coach não consegue me descer em New Girl. O personagem que fez ponta no piloto, entrou pro cast fixo da terceira temporada, e é tão, tão chato. Alguém precisava ocupar o quarto vazio de Schimidt no flat, mas ele precisava mesmo roubar CeCe? Por favor. Merece segundo lugar: Zoey - Nashville
E quem diria que Peter Pan seria o cara mal, hein? O novo vilão de Once Upon a Time é mais sádico e cruel do que julgamos na primeira aparição, e ele se mostrou a verdadeira maldade em forma humana. Tudo bem que eu concorde que Henry é um cansaço que só, mas o que Pan fez no decorrer de 11 episódios foi demais. Apenas demais. Merece segundo lugar: As pessoas más de Orphan Black
É muito friendzone nessas séries, çocorro. E como escolher só um casal que eu shippo e não rola nada é missão impossível, eis aqui os principais alvos da minha frustração. FitzSimmons, de MARVEL'S Agents os SHIELD são novatos na watchlist, mas tem muita química. Assim como Olicity, em Arrow, que força e força a barra, mas não acontece coisíssima nenhuma. Merece segundo (terceiro?) lugar: Julliet e Avery, Nashville.

E como minha atividade favorita ao assistir seriados é shippar pessoas, essa lista teria que terminar assim. E olha o casal do ano! Óbvio que 2013 seria o ano de Barney e Robin, de How I met your mother. Eles ficaram noivos no primeiro semestre e estão casando desde setembro. Pfvr, como não amar? Merece segundo lugar: Frary - Reign
Beijinhos ♥

17 comentários:

  1. As melhores estreias do ano, pra mim, são: Orphan Black, Orange is the New Black e Bates Motel. Reign não parece fazer o meu tipo, por isso não assisto. Uma estreia que eu queria ver, mas ainda não consegui, é House of Cards. O resto é resto, sobretudo as aparentemente péssimas estreias da fall season. Quanto às comédias, a única que eu consegui acompanhar é Mom, apesar de ser meio sem graça e com aquele modelo clichê de sitcom que já deu, ainda dá pra passar o tempo. O ano valeu por Orphan Black, que já uma das minhas séries preferidas de sempre e Orange is the New Black, que não fica muito atrás, e talvez ainda algumas que eu possa vir a acompanhar.

    O melhor retorno eu diria que é How I Met Your Mother, porque correspondeu às expectativas do público com a escolha da atriz pra ser a "mother", mas acho que todas retornaram bem, apesar de algumas não serem mais tão boas como antigamente. Entre as de drama, acho que o destaque foi o final de Breaking Bad, o decepcionante final de Dexter e essa primeira parte da sexta temporada de The Mentalist também foi muito boa, mas já esclareceu tudo que tinha pra esclarecer, não sei o que terá daqui pra frente. ;D

    ResponderExcluir
  2. Adorei seus melhores e piores! algumas series não acompanho, mas concordo em tuuudo que você disse em relação a vampire diaries e pretty little liars, outra série que tá decepcionando é Glee, gente eu amava a série, mas agora eu to assistindo só p saber o q acontece mesmo, tá muito ruim! The big bang theory p mim tá arrasando! Minha irmã AMA reign e já tá me ameaçando para que eu assista, enfim, adorei a postagem!

    ResponderExcluir
  3. Não assisto muitas séries, atualmente estou acompanhando HIMYM, Revenge, OUAT e The Carrie Diaries. E pretendo ver TBBT.
    Bom, OUAT é a minha série favorita atualmente, apesar de o início da segunda e terceira temporada tive aquela sensação que a coisa tava meio perdida, mas que depois de alguns episódios ficaram incríveis. Só posso concordar com seus comentários sobre a série!!! Sério eu queria matar pessoalmente o Pan, ele é muito mau e cruel!!!! E Hook, OMG, demais!!! Apesar de que estava um pouco em segundo plano nos últimos episódios... mas o que foi essa winter finale?! Nem sabia que existia uma coisa dessas, estou louca pra que chegue março!!!!!!!
    Eu acho TCD uma série superfofa e divertida, e já tinha lido os livros antes! Nem acredito que vão cancelar :/ Quanto à Samantha, ela aparece em quase todo o segundo livro da série, então é um acréscimo já esperado... e achei ela muito parecida com a Samantha 'original', considerando a idade, claro!
    Revenge, apesar do Nolan, realmente está me irritando ultimamente... já é hora da Emily se vingar né!!! Ainda não acredito nos personagens que eles mataram no final da segunda temporada :/ A história meio que se perdeu... mas sempre deixam uma pontinha de curiosidade no final dos episódios!
    HIMYM estou vendo no Netflix, adoro! Só que estou na 7a temporada ainda... (sabia que não deveria ter lido o comentário! ehhehe)

    ResponderExcluir
  4. Das séries citadas só acompanho Arrow, TVD TBBT. Abandonei muitas, como: Dracula, Criminal Minds, CSIs... tem mais uma, mas não lembro XD

    Não consigo largar TVD, to viciada, loka e apaixonada por The Originals e Castle, acompanho Almost Human, Hawaii 5-0, TWD, Mike & Molly, The Mentalist... acho que to esquecendo alguma novamente hahahahaha

    E espero conseguir acompanhar Reign!

    ResponderExcluir
  5. Não acompanho muitas dessas séries, mas as que acompanho amei, por exemplo, amei PLL e TVD mas não vou falar nada e nem criticar por quê seu ponto de vista é relevante, não concordo, mas considero. Amei o Peter Pan, mas não consigo gostar da Regina, ela não me desce, não suporto o personagem, é muito lenga lenga pra mim, e essa incerteza do que ela é que me da muita raiva. The Quarterback foi o mais emocionante sem dúvidas, a Rachel cantando acabou com meus sentimentos, aliás, todos cantando, acho que nunca chorei tanto em nenhum episódio. TBBT pra mim sempre será épico, consegue me arrancar inúmeras risadas mesmo tendo visto o episódio 5 vezes, mas agora um série que não conhece, mas por pouco tempo, é Reign, preciso muito ver essa série.

    ResponderExcluir
  6. adoreeeeei hahaha
    das séries que você citou eu só acompanho PLL (e concordo que já deveria ter acabado) e Revenge (que também já está me cansando)
    TVD eu parei de assistir a muito tempo, pq também já estava de saco cheio...
    TBBT não acompanho fielmente, mas quero voltar a assistir! :D

    ResponderExcluir
  7. Estou meia por fora das séries faz um tempo a unica que conheço dai é Glee e olhe lá faz muito tempo que não vejo, espero voltar a ver no ano que vem vou tentar me organizar pra isso, anotei aqui alguns da lista que gostei.

    ResponderExcluir
  8. CONCORDO!!! Awkward voltou com força total com essa história de Jenna vida loka, mas agora que ela tá querendo se redimir já tô ficando com preguiça de novo, zzzzzZZZzzzzz
    E o seu queria ter visto em 2013 também está perfeito! Primeiro ano sem GG foi difícil, foi pesado, mas superamos! Só é triste pensar que a partir de agora vem o segundo, terceiro etc etc. E QUE BOM QUE ALGUÉM CITOU JANE BY DESIGN!!!!!! Nossa, como eu amava essa série! Na época que passava, parecia que ninguém assistia e só depois que foi cancelada que eu vi que várias pessoas gostavam. Puxa vida, como Jane deixou um vazio na minha vida! E o pior é que o último episódio deu um gancho ENORME pra uma segunda temporada que nunca veio e então ficamos sem saber o que poderia ter acontecido! Dói até hoje.
    Preciso muito assistir Reign e Orphan Black porque, meu Deus, só se fala disso! Já tenho alguns episódios de Reign baixados, mas ainda não tive tempo de assistir, infelizmente. E Orphan Black não parece fazer meu tipo, mas como é tão badalada, preciso assistir pelo menos o piloto pra dizer se gosto ou não. Resolução pra 2014!
    Nossaaaaaa, adorei sua lista! Acho que eu nunca ia conseguir escolher personagens, episódios e afins, visto que já acho difícil escolher entre as séries em si!

    Bjs, querida!
    http://nasquartasusamosrosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. estou muito por fora de séries atualmente, mas gostei bastante do post.
    tentei dar uma chance para a série da Marvel, e não gostei.
    e série de comédia ou com coisas sobrenaturais nem tento assistir.
    únicas séries que vi em 2013 foram Bates Motel e The Following, e o desfecho péssimo de Dexter.

    ResponderExcluir
  10. ah, e fiquei muito curioso pela personagem Samantha Jones adolescente, já que ela quarentona em Sex And The City era a mais sexual de todas, deve ser legal vê-la quando nova, apesar da série teen não ser p/ maiores hahahaha

    ResponderExcluir
  11. Tenho que descordar de você, mas o friendzone do ano e de sempre é Jorah Mormont de Game Of Thrones. o coitado tem até vídeo no youtube.
    Eu amo Haart Of Dixie é uma das melhores séries que assisto. Gosto muito.

    Beijinhos.
    www.intheskyblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Reign parece interessante, mas com relação ao figurino tenho que discordar! As roupas são belas, mas algumas roupas não condizem com época q é retratado o seriado.

    ResponderExcluir
  13. Das séries q vc citou só dou uma pequena acompanhada é The Big Bang Theory dou muitas risadas . A minha série preferida não está na lista Grey's Anatomy, mais gostei arrasou

    ResponderExcluir
  14. Nossa, como eu fiquei por fora do mundo das séries esse ano! Não conheço a maioria que vc mencionou, já adicionei na minha grade algumas recomendações.
    Bjs

    ResponderExcluir
  15. Não conheço Reign, fiquei bem curiosa para assistir.
    Gosto bastante de The Big Bang Theory, curiosamente é muito mais engraçado assistir legendado do que dublado.
    E How I met your mother é uma das minhas séries favoritas, concordo totalmente com vc, eu simplesmente AMEI eles enquanto casal!

    ResponderExcluir
  16. Concordo plenamente com tudo, menos as séries de comédia porque só assisto duas. E confesso: abandonei Orange is the new black. Mas o que falar de Reign e Orphan Black? Nossa, fizeram minhas horinhas assistindo valerem à pena!

    ResponderExcluir
  17. Concordo plenamente com tudo, menos as séries de comédia porque só assisto duas. E confesso: abandonei Orange is the new black. Mas o que falar de Reign e Orphan Black? Nossa, fizeram minhas horinhas assistindo valerem à pena!

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!