14 de nov de 2013

O novo mundo de Muriel por Liliane Prata

Autora: Liliane Prata
Editora: Planeta Jovem
ISBN: 9788542201116
Páginas: 328
Nota: 
Comprar

Certos autores escrevem crônicas, outros escrevem livros. Pode parecer preconceito da minha parte, mas já tive uma certa cota de experiências que provam exatamente isso. Escritor A escreve muito bem, tem fluência, mas quando arrisca em mais de 500 palavras, se perde. Escritor B, que arrasa em muitas e muitas páginas, tenta uma crônica e fica cortado. Claro que existem exceções (sempre existem!), mas vários casos batem. Liliane Prata, que conheci através das crônicas que escrevia para Capricho, é uma dessas. Ótimos textos... para revista.

O novo mundo de Muriel conta a história de uma garota que se vê transportava para um universo completamente diferente de um segundo para outro. Certa noite, Muriel acordou e foi ao banheiro. Quando abriu a porta para voltar ao quarto, não era mais sua casa que a cercava. Sem nenhuma explicação prévia, ela está em Landin, uma floresta desconhecida em que os nativos nem falam seu idioma. Aos poucos, a protagonista vai aprendendo com a nova realidade, pois voltar pra casa não parece uma oportunidade tão próxima assim.

O principal problema no livro é sua narrativa. Como Liliane tem uma prática maior com crônicas, a maior parte da sua narrativa são parágrafos longos, descritivos, que falam sobre os pensamentos de Muriel, seus sentimentos em relação à Landin, a adaptação, as árvores, os nativos... A autora tem uma escrita bem jovial, que vária entre ser divertida e/ou deixar a protagonista com um jeito infantil, mas por menos monótono que as palavras sejam, uma hora aquele humor forçado e a falta de diálogos fica bem cansativo. Muriel chega no lugar, não conhece ninguém, as pessoas falam letras aleatórias, passam anos... Não dá pra sentir a trama se desenrolando, apenas ficando estagnado no mesmo ponto durante páginas e anos afim.

Óbvio que com o tempo Muriel aprende o idioma, começa a se comunicar, coisas acontecem, ela se apaixona... Todo o blablabla previsível que deveria acontecer como manda o figurino. Em nenhum plot fui conquistada, o desenrolar foi tranquilo demais, sabe? Achei sem emoção, o romance que a autora criou ficou sem graça (me lembrou Perdida, só que sem a parte maravilhosa), e considerando o final, O novo mundo de Muriel é um livro sem objetivo. Desculpa, mas não rolou.

O novo mundo de Muriel não é um livro de todo ruim, mas simplesmente não é pra mim. Não me conectei com a história, com o lugar, com os personagens... Nada. Não dá para negar que Liliane teve uma boa ideia, já vi vários autores colocarem uma boa carga significativa no cenário e lidarem muito bem com isso, só que não foi dessa vez. Os melhores pontos do livro (algumas tiradas de Muriel cá e acolá) ainda não se destacam sozinhos, e a narrativa sem diálogos não ajuda muito. Talvez seja um livro para quem gosta de histórias mais narradas, todavia não tenho certeza.
Beijinhos ♥

2 comentários:

  1. Pena a história não ser o que mais esperávamos. Também estava com grandes expectativas com esse romance, mas fiquei um pouco decepcionada com seus comentários na resenha. Deveria ter mais coerência e detalhes de como e porquê ela foi parar lá em Landin. Ainda bem que não o li. Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Não sei se leria este romance. Se a história é assim meio confusa, sem muita noção de como acontece o fato; fica difícil você se envolver e se entrosar com a história. Vou esperar por algo mais emocionante. Beijos.

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!