18 de nov de 2013

A casa de Hades por Rick Riordan

Os heróis do Olimpo #4
Com spoiller dos anteriores
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788580574210
Páginas: 496
Nota: 

Todo mundo já sabe que Rick Riordan gosta de plagiar a si mesmo. Seus livros são repetitivos, a trama corre sempre no mesmo circuito e a gente ama mesmo assim. É a vida, não? Ainda assim, seu mais novo lançamento, A casa de Hades, já é o nono livro da história de Percy Jackson, isso sem considerar os guias extras. E está cansando? Um pouco, só que dá peninha de abandonar quando não são leituras ruins. Não sei até aonde isso vai, mas dá para notar que o autor percebeu que estava dando voltas - e deixou para esse livro, uma mais longa.

Numa visão mais ampla, dá para dizer que A casa de Hades é o mais diferente, ousado e original dos livros que Rick já escreveu sobre mitologia grega (tanto na primeira parte da série, como nesse meeting com romana). É claro que alguma criatura perversa ainda vai se reerguer e aniquilar a humanidade, e tudo isso só pode ser evitado se um grupo de semi deuses adolescentes seguir uma profecia e dar voltas no mundo em dois dias, contudo, em A casa de Hades a ordem não é exatamente essa.

Falta um mês para que Gaia tome o poder, porém não é isso que está movendo os heróis para mais uma aventura trágica e perigosa: é Percy e Annabeth fazendo uma visitinha (talvez sem volta) ao mundo dos mortos. Antes de qualquer coisa, os tripulantes do Argo II precisam salvar seus amigos, e é isso que fazem sem pensar duas vezes. Dessa vez não tem profecia, não tem um monstro específico para ser derrotado até o solstício ou uma peça fundamental para a cultura grego/romana que precisa ser encontrada. São apenas os amigos correndo perigo e precisando de ajuda. Ok, Rick, não foi algo de outro mundo (quer dizer, foi, mas...), mas valeu a ousadia considerando seu histórico. Parabéns?

Entenda que são quase 500 páginas em que muita coisa acontece. Para manter o ritmo, o autor fez algo que já devia ter feito no volume anterior: colocado todos seus personagens para narrar a história. Aventuras como essa tem várias situações simultâneas e a variação no ponto de vista dá uma visão muito mais ampla do que está acontecendo, sem falar que é bem melhor para nos conectar com os personagens. Em A marca de Atena, Frank caiu vários pontinhos comigo, e agora subiu novamente. Jason, que tinha se mostrado zzZZZ no início da série, também evoluiu. O que continua sendo lindo em tempo integral é Leo ♥ Pfvr, o melhor personagem.

Arrisco dizer que A Casa de Hades foi o melhor livro da série Os heróis do Olimpo até agora. Rick soube conduzir os acontecimentos num espaço de tempo maior, manteve a veia cômica, surpreendeu um pouquinho aqui e ali, e armou muito bem um grande circo para o quinto e último livro. Temos aqui a volta de vários personagens que conhecemos tempos atrás (como Calipso e Rachel), boas doses de ação, romance, aventura, comédia e aula de história. Mesmo não sendo a exata fórmula do sucesso de Riordan, eis aqui seu melhor trabalho.
Beijinhos ♥ 

3 comentários:

  1. Aaaah eu amo o Tio Rick, com certeza esse foi o melhor da série. Aliás, para mim ele tem melhorado livro a livro, crescido com seus personagens e isso é muito bom de se ver. Sou da opinião que a gente só aprende a escrever escrevendo e quanto mais escrevemos melhor escrevemos... O tio Rick me faz pensar que minha opinião sobre a escrita pode ter seu fundo de verdade, mas sou suspeita porque sou fã do homem.

    E sim, também amo o Leo, sou fã do pai dele desde que conheço mitologia grega então ele faz totalmente juz ao meu Hefesto/Vulcano do coração.

    Pandora.

    ResponderExcluir
  2. Olá, acabo de visitar seu blog e segui-lo. Lhe desejo foco, sucesso e força. Que conquiste muitas realizações através do mesmo. E também convido você e seus/suas leitores/leitoras a conhecer o meu blog: toobege.blogspot.com.br . Beijinhos e espero você lá também *0*

    ResponderExcluir
  3. Que bom que você gostou desse, assim poderei ler mais tranquila, tendo a certeza que não irei ficar desapontada. A história deste romance realmente parece ser mais dinâmico e mais elaborada que as outras. Também espero que esta série não se prolongue demasia. Vai ficar monótona demais assim. Por enquanto estou levando na vaselina e estou gostando. Beijos.

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!