7 de ago de 2013

The Wanted por Chas Newkey-Burden

Com dois singles no topo das paradas e o terceiro disco pronto para ser lançado a qualquer momento, The Wanted é uma das mais celebradas boy bands da atualidade. The Wanted: a biografia não autorizada traz histórias emocionantes dos cinco rapazes, antes e depois da formação da banda, contadas pelo renomado biógrafo ChasNewkey-Burden. O caderno de fotos exclusivas, que certamente deixarão as meninas ainda mais apaixonadas, é um dos diferenciais desta que é biografia mais completa lançada até o momento. 

Autor: Chas Newkey-Burden
Editora: Prumo
ISBN: 9788579272387
Páginas: 183
Nota: 

Vocês sabem que biografia está longe de ser meu gênero favorito, mas abro exceções dependendo das situações. Parece que nos últimos meses teve uma overdose de livros sobre o The Wanted, a boyband para qual tieto que nem mané ♥, e resolvi colocar na estante uma delas. Afinal, já li sobre o roadie do Coldplay, então porque negligenciar um livro sobre esses lindos britânicos? Tudo bem que não é audiobook e não tenha aqueles sotaques lindos, mas ainda assim.

Primeiro somos apresentados os membros da banda: quem são, de onde, como chegaram onde chegaram... Essas coisas. Tem as competições musicais pelas quais passaram (pfvr, catando vídeos do Max no The X Factor), curiosidades sobre eles, o dia a dia e o seu passado. Chas fez uma grande abrangência no período antes da fama, antes do estouro que foi All time low e, depois, Glad you came. Preciso destacar também que essa biografia mudou a minha vida ao citar que The Wanted já fez cover de The man who can't be moved (The Script), que é uma das minhas músicas favoritas da vida. Isso já valeu a leitura inteira, fim.

Quero ressaltar que o autor tem um jeito muito pessoal de escrever, é divertido (principalmente quando fala sobre o assédio das fãs) e não banca o imparcial (em outras palavras: é team prisoner ao invés de directioner, BESOS). Nesse gênero literário, conta muito mais o escritor do que a história em si, e Chas leva muitos pontos positivos. Não é maçante, as palavras fluem bem. Comecei e terminei o livro em caso de duas horas, até menos.

Para quem é fã do The Wanted e não tem um ódio completo por biografias, esse é um bom livro. A diagramação é ótima, tem tweets dos garotos entre a narrativa, fichas com dados úteis no inicio dos capítulos sobre eles (aniversário, time de futebol, comida favorita...), além da descrição one by one de uma das primeiras brigas entre as boybands britânicas. Eu gostei, definitivamente não foi uma leitura perdida (repito: o cover de The man who can't be moved), mas dispensável pra quem não é fã do grupo. Aliás, estou avisando previamente que serei assistente na próxima biografia do autor sobre boy band - ele favoritou o tweet em que pedi.
Beijinhos ♥

5 comentários:

  1. hahaha.. não acredito que ele favoritou o seu tweet! Que divertido. =)
    Eu gosto demais do The Wanted, apesar de não me considerar super fã. Acho que leria a biografia deles.
    Aliás, li pouquíssimas biografias na vida, acho que só a do C.S. Lewis e dos Backstreet Boys (na minha época de adolescente fanática! rsrs).
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Eu não sabia que tinha saído a biografia deles. Não sou uma grande fã, mais gosto bastante das musicas dele, com certeza leria o livro.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. na verdade estava rolando uma overdose de biografias de banda no geral né... kkkk
    ganhei de aniversário a do McFly, e foi a primeira biografia que li na vida *-*
    mas enfim, é mais ou menos como você descreveu ai... e eu até que curti :D

    ResponderExcluir
  4. AVISO: Pessoas normais, não leiam esse comentário :S
    Isso é pra quem é fã, eu mesma não sinto interesse nenhum em conferir. Ainda mais o tipo, biografia...Desse gênero gosto de conferir mas é de pessoas mais velhas, que fizeram parte da história do mundo e etc e tal. Aí quando vejo essa porrada de biografia de bandas penso: cara, tudo bem, estão lá fazendo um trabalho como qualquer outro e tudo mais, só que, sério, biografia? Dessas pessoas que não estão fazendo uma diferença significativa para o mundo? Não, obrigada, passo.
    Fãs me matem, me xinguem e me esculachem, mas é a verdade u.u
    Pra quem é fã deles é bom conferir. Pelo que você disse é uma leitura mais...normal, boa de ler. Só que não curto biografia de banda/cantor/atriz e atores novos.

    ResponderExcluir
  5. Não sou do tipo que gosta de ler biografias, ainda mais de uma banda que não curto.

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!