26 de jul de 2013

Bling Ring por Nancy Jo Sales

Entre 2008 e 2009, as residências de Lindsay Lohan, Orlando Bloom, Paris Hilton e diversas outras celebridades foram invadidas e saqueadas. Os ladrões, um grupo de jovens criados em um endinheirado subúrbio de Los Angeles, levaram o equivalente a 3 milhões de dólares em joias, dinheiro e artigos de grife, como relógios Rolex, bolsas Louis Vuitton, perfumes Chanel e jaquetas Diane von Furstenberg. As notícias surpreendentes sobre o caso chocaram Hollywood e intrigaram o mundo. Por que esses garotos, que em nada correspondiam à tradicional imagem dos bandidos, realizaram crimes tão ousados?
A jornalista Nancy Jo Sales entrevistou todos os envolvidos, incluindo os pais e os advogados dos jovens, e até mesmo as celebridades que sofreram os assaltos. Em Bling Ring: a gangue de Hollywood, ela apresenta todos os detalhes de uma das quadrilhas mais audaciosas de nossos tempos. A história real também inspirou o filme de Sofia Coppola, estrelado por Emma Watson.

Autora: Nancy Jo Sales
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788580573596
Páginas: 272 
Nota: 

Não lembro de ver as notícias sobre Bling Ring quando a história aconteceu de verdade, em meados de 2009. Mesmo assim, foi só a notícia de um novo filme de Emma Watson, filmado na casa de Paris Hilton e repleto de roupas grifadas para chamar atenção da blogueira fútil que vos escreve. O livro com capa do filme, lançado um mês antes do longa chegar aos cinemas, também não ficou pra trás. Por ser baseado em fatos reais, não é como se desse para fugir e evitar spoillers. E mesmo que essa não tenha sido uma das preocupações, vale ressaltar que esse é um temor desnecessário. Bling Ring: A guande de Hollywood, de Nancy Jo Sales, não é o romance do filme.

Sabe aquelas reportagens de revista que você fica surpresa de como são bem feitas e esclarecidas? Esse livro é assim - só que com quase 300 páginas. Diferente do que eu pensava, essa não é a história que a gente verá no cinema, com codinomes, corte de cena e descrição do interior do closet de Rachel Bilson (mentira, essa parte tem). Nancy Jo Sales produziu uma pesquisa enorme para a Vanity Fair, entrevistou os membros da Bling Ring, pessoas do meio e pessoas alheias, divagou toda a situação acerca do grupo de cleptomaníacos (porque, cá entre nós, é isso que eles são), e é esse material todo deu ideia para Sofia Coppola, não o contrário.

Ainda assim, esse não é um livro preso a fatos. Nancy colocou muito de suas opiniões sobre as informações que arrecadava, fez um verdadeiro estudo sobre as personalidades de Rachel, Nick, Tess, Alexis e Courtney, sobre o apelo da fama no mundo todo, principalmente com adolescentes, sobre a bolha que Hollywood é e o quão atrativo isso é pra quem só vê o lado glamouroso da coisa. Além disso tem também o fator econômico ou lado das relações pessoais entre os membros da Bling Ring. É engraçado ver o quão dependentes eles são entre si. Nick só fez tudo porque Rachel queria, e Tess e Alexis eram inseparáveis. Só senti falta de saber mais sobre Courtney.

Se eu soubesse do que se tratava desde o princípio, provavelmente não teria lido agora, antes do filme. Não é um romance, não tem nada de ficção aí (que o filme, mesmo baseado na realidade, tem). É interessante de ler, Nancy é perspicaz, as referências são bastante atualizadas, e tem até transcrição de diálogos da Summer, de The OC, mas repito: esse é um estudo sobre a Bling Ring e o estilo de vida Hollywood, com todas as suas implicações para reles mortais como nós que são afetados por bolsas que custam o mesmo que um carro popular. Recomendo se você é obcecado por celebridades, cleptomaníacos, programas do E! (o que é quase como a primeira recomendação) e tiver assistido o filme e adorado. De resto, não é o que se pode chamar de leitura obrigatória.
Beijinhos ♥

4 comentários:

  1. Até o lançamento do livro, eu nunca tinha ouvido falar sobre este pessoal e o que eles estavam fazendo. E sinceramente, não fiquei muito animada com a leitura, não faz meu estilo mesmo.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. O livro até parece legal, mas não chamou atenção pra mim. Não fiquei querendo ler. Quero ver como o filme é, aí talvez leia, mas sem ver filme? Não..

    ResponderExcluir
  3. Eu não assisti o filme, mas apesar de parecer bom, não fiquei com vontade de ler.....

    ResponderExcluir
  4. Quero assistir ao filme, e quero ler o livro. Por mais que ele não seja romanceado, quero só conferir! o/

    Beijos

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!