28 de jun de 2013

Star-Crossed por Rachael Wing

E se o seu maior inimigo também for o seu grande amor? Jen Anderson sempre sonhou em interpretar Julieta e sua grande chance chegou com o papel principal na peça do colégio! Mas nem tudo são flores: quem vai fazer Romeu é ninguém menos que Chris Banner, que além de insuportável é filho do maior rival da família de Jen. Só que a garota não vai deixar que isso a impeça de brilhar. Ou vai?... Porque, quando ela percebe que está apaixonada de verdade por Romeu, quer dizer, por Chris, tudo parece desabar! Será que esse romance tem chance de não terminar em tragédia? Venha descobrir isso em uma história irresistível!

Autora: Rachael Wing
Editora: Fundamento
ISBN: 9788576768838
Páginas: 170
Nota: 

Eu tenho a leve impressão que já li Romeu & Julieta na versão original (traduzida, claro). Impressão, porque minha memória é péssima e nunca tenho certeza de nada. E do mesmo modo que não curto clássicos, não acho que tenha gostado muito do livro (tanto que, se li, não me marcou). Contudo as versões atualizadas sempre chamam a minha atenção, afinal, a pior parte da história são os preceitos da própria época (eu acho, ok?!). Imagine então que o livro tem uma capa mortalmente meiga, se passa no ensino médio e Olá, século XXI! Isso tem um grande, grande apelo comigo.

Por algum motivo desconhecido, os Anderson e os Banner se odeiam por mais de vinte anos. E tanto ódio assim não conseguiu ficar em só uma geração: seus filhos, Jen Anderson e Chris Banner, não conseguem se ver nem pintados de ouro. Mas se isso já é complicado só em dividir os corredores, as coisas saem do controle quando ambos são selecionados para interpretar Romeu e Julieta na peça da escola. Jen poderia desistir, mas abandonar seu sonho de ser atriz por um Banner? Jamais!

Todo mundo já sabe da meu não ortodoxo favoritismo por casais que começam do ódio. Acho que o romance flui melhor, tem mais tensão sexual e contam com começo e desenvolvimento bem mais emocionantes. Contudo, não sei bem se serve para Jen e Chris. A implicância que eles têm um com o outro é muito superficial e boba, já que os motivos que tem para tal nem vem deles, e sim dos pais que dizem o que deve ser feito (odiado, no caso). Porém os dois ficam muito bonitinhos como casal, e eu shippei bastante.

Já a narrativa de Star-Crossed é um tanto... diferente. O livro é escrito em segunda pessoa, como se o leitor fosse Jen. Quer dizer, se considerarmos "você" segunda pessoa, embora a conjugação seja de terceira. Enfim. Você é Jen, você faz o que Jen faz, você pensa o que Jen pensa. Quatro capítulos depois você já está inteirado na história, e o modo que Rachael escreve deixa de ser esse tanto incomum. Variando entre alguns capítulos, está a história dos pais de Jen e Chris, para conhecer o motivo do ódio entre as famílias. Essa parte é contada bem parcelada, e aos poucos, se tornou o que eu mais ansiava no livro inteiro.

Star-Crossed é muito pequeno mesmo, tem só 170 páginas e eu li em pouco mais de uma hora, antes de dormir. Entretanto, essa rapidez que as coisas andam quase sempre é sinônimo de desenvolvimento pouco aprofundado e, nesse caso, final corrido. É bonitinho, levinho, está longe de ser uma leitura que muda a vida de alguém. É o caso típico de "foi bom enquanto durou". Vamos levar em consideração que Rachael tinha 14 anos quando escreveu, então... Curou minha ressaca literária (eu acho), e se enquadra na faixa de livros que todo mundo deve ter na estante pra vir depois de uma leitura mais pesada. Nada demais, mas é legal.
Beijinhos ♥

5 comentários:

  1. adorei a resenha! parece ser super fofinho e leve *-*
    9,90?? acho que vou comprar agora! kkk
    engraçado como julgamos um livro pela capa né? já tinha visto ele mas não me interessei pq achei a capa super sem graça --'

    ResponderExcluir
  2. Está esgotado no site!!!
    O tristeza!! Curti a resenha, eu não gosto de clássicos e não gosto de Romeu e Julieta, mas esse livro parece bom.
    O q eu leio depois de uma leitura mais pesada é Lola e o Garoto da Casa Ao Lado q é muito fofinho!!!

    ResponderExcluir
  3. Cotoquinho o livro, mas até que parece ser bacana. Não me chamou taaaaaanta atenção pra ler, mas gostei. Tem uma trama fofa, acho. A sinopse promete uma boa leitura, gostei dele.

    ResponderExcluir
  4. Já comigo essas versões atualizadas não funcionam muito, acho que talvez por eu gostar dos clássicos. Bom, mas eu gostei bastante desse livro! A história parece ser levinha e de alguma forma chamou a minha atenção! E o bom é que é curtinho e dá pra ler bem rápido! :D

    ResponderExcluir
  5. Caramba, nunca li nada em segunda pessoa e nunca fui a "personagem" do livro! rs
    Achei super interessante e apesar da história em si não ter me deixado tão curiosa, a narrativa assim o fez.
    obs: Gosto de casais que começam na implicância!! *-*
    bjs

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!