16 de fev de 2013

Um Porto Seguro por Nicholas Sparks

Quando uma mulher misteriosa chamada Katie aparece repentinamente na pequena cidade de Southport, na Carolina do Norte, questionamentos são levantados sobre seu passado. Linda, mas discreta, Katie parece evitar laços pessoais formais até uma série de eventos levá-la a duas amizades relutantes: uma com Alex, o viúvo, com um coração maravilhoso e dois filhos pequenos, a outra com sua vizinha muito franca, Jo. Apesar de ser reservada, Katie começa a baixar a guarda lentamente, criando raízes nessa comunidade solícita e tornando-se próxima demais de Alex e de sua família. No entanto, quando Katie começa a se apaixonar, ela se depara com o segredo obscuro que ainda a assombra e a amedronta: o passado que a deixou apavorada e a fez cruzar o país para chegar no paraíso de Southport. Com o apoio simpático e insistente de Jo, Katie percebe que deve escolher entre uma vida de segurança temporária e outra com recompensas mais arriscadas... e que, no momento mais sombrio, o amor é seu único refúgio.

Autor: Nicholas Sparks
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581630045
Páginas: 414
Nota: 

Nunca sei o que pensar sobre Nicholas Sparks. O autor já tem um número considerável de títulos no Brasil e uma boa parcela deles na minha estante, várias adaptações no cinema, lugar cativo nas listas de best sellers... Nicholas Sparks já conquistou seu lugar ao sol. Só não sei se conquistou lugar nos meus favoritos. Já tive experiências ótimas com o autor, mas já tive outras péssimas. É uma maratona de bons livros, outro para estragar e depois não tenho mais aquela mesma confiança de antes. Um porto seguro entrou nesse momento: a última lembrança que eu tinha do autor não era boa, mas as que precediam, eram. As vezes é bom desligar o passado e fingir que é seu debut. Ok, não é tão simples assim.

Vamos começar a maratona de clichês? Certo: Katie é uma mulher misteriosa e solitária, que chegou em Southport sozinha e, mesmo morando e trabalhando por lá em alguns meses, não se relacionou com ninguém. Alex ficou viúvo muito cedo, trabalha na própria loja (único mercado/posto de gasolina da cidade) e cria os dois filhos sozinho. Ele se sente atraído por Katie, mas ela não abre espaço para ninguém em sua vida. Até ter uma nova vizinha, Jo, que gosta de bancar a cúpido para suprir o buraco de sua vida amorosa inexistente.

Nessa boa quantidade de Nicholas Sparks que já li, reparei os pontos comuns que gosto no autor e isso sempre acaba definindo a leitura. Tem duas coisas que me conquistam em sua escrita e reconheço que ele faça com maestria: a conquista, o flerte e o humor. Normalmente seus livros são tão pesados e tristes, que algumas tiradas engraçadas são bem vindas para quebrar todo aquele drama. Um porto seguro é mais voltado para romance, e embora tenha um pano de fundo mais problemático, se comparado com outros livros de tio Nick, chega a ser leve. Talvez foi por isso que ele não adicionou muitas tiradas divertidas. Foi aí que o livro perdeu uma estrela, para mim, eu não ri nenhuma vez. Nem sorriso de canto de boca.

Já a parte da conquista está valendo. É um pouco previsível, mas o relacionamento de Katie e Alex é tão bem construído que você acaba sendo conquistada junto. Primeiro tem o mistério que a protagonista esconde, depois o começo do contato com Alex e, por fim, a união dos dois pontos. É ótimo e muito bem amarrado. Os personagens são fortes, corajosos e decididos. Todos os sentimentos contraditórios que surgem na narrativa de Katie são bem explicados e condizentes, não prejudicam a personalidade da protagonista.

Então Nicholas Sparks me conquista mais um pouquinho, por um breve espaço de tempo sem previsão de quando mudará. Um porto seguro é um romance com cara de romance e apenas isso. É cheio de clichês, alguns diálogos melosos, falas bonitinhas e uma pequena lição de moral sobre aproveitar a vida e não ter medo de mudar (embora aqui, isso fique um pouco fora de contexto). Não é meu favorito, mas recomendo.
Bjs,
Para vc que me ama, Girlie Poderosa

10 comentários:

  1. Joana amei o post!

    Adoro quando você da sua opinião com relação aos livros do Nicholas, e a sua "batalha" em gostar muitoooooooooo dele como eu!

    Estou louca pra ler esse livro, pena que como vc mesma descreveu ele se perdeu na parte das "tiradas", adoro isso em livros! quem não quer gargalhar lendo livros?

    Mas é ROMANCE e como uma fã, eu vou ler!

    Nicholas <3

    <33333333333 pra vc!

    ResponderExcluir
  2. Estou bem curioso por esse livro, ainda mais por causa do filme. Dizem que esse livro puxa mais para o lado do mistério, misturando com romance. Enquanto não leio esse, me contento com A escolha, que estou adorando!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pela resenha Joana! Estou ansiosa para ler Um Porto Seguro! Beijo!

    ResponderExcluir
  4. To com esse livro (e outros dele) me esperando na estante, mas pretendo ler antes de assistir o filme.
    No inicio comprei msm so pq era dele (ja que sou mt fa), nao fiquei mt animada com o livro pois infelizmente as estorias dele ja estao ficando um pouco previsiveis, mas assim como aconteceu com vc espero que o livro me surpreenda.
    Parabens pela resenha
    bjim

    ResponderExcluir
  5. sou meio suspeita para falar do nicholas, eu amo tudo que ele faz, tem a assinatura dele eu ja to amando ! esse livro é um dos meu favoritos, adoro

    ResponderExcluir
  6. Esse livro está na minha meta deste ano :)
    Fico feliz que seja um bom livro, tenho percebido que apesar do Nick manter suas marcas em todos os livro, os últimos lançamentos não estão vindo tão encantadores como Querido John e DDP, :(
    Mas ainda sim adoro ele.
    Rafa
    Blog Melody
    http://rafaacarvalho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Tenho essa relação de amor e preguiça de Sparks. São clichêzinhos clichêzados com a mesma dinâmica, o mesmo ritimo, os mesmos problemas... E ainda assim compro os livros. Até agora só li três dos seis que tenho na minha estante, e pretendo ler esse antes do filme. Até gosto, Um Homem de Sorte é o meu predileto, mas a sensação de familiaridade me desanima de uma forma...

    ResponderExcluir
  8. Concordo com vc, Nicholas Sparks as vezes eh amado outras vezes nem tanto... tambem já tive pessimas experiencia com ele, mas mesmo assim, tenho a maioria dos livros dele na minha estante kkkkk #adoro

    Falando sobre o Porto Seguro, me falaram realmente que a historia é muito boa, incluindo citaram como esse sendo o melhor livro dele por ser diferente dos demais, nao sei porque ainda não li, mas fiquei sabendo da historia e é realmente surpreendente em se tratando dele...

    To louca pra ler esse livro e assistir esse filme que será lançado mês que vem né?

    beijos

    ResponderExcluir
  9. Já li vários livros do Sparks, mas na minha estante só tenho os favoritos (Como uma edição do Seleção de Livros do livro "Uma curva na estrada", nem preciso "escrever" que estou super feliz pela Arqueiro lançar esse livro, vou comprar a edição deles e ler novamente, apesar da capa não ser lá essas coisas). Sempre que penso nos livros do Nicholas eu me pego considerando seus pontos comuns, como você comenta na resenha, e como diz minha mãe "Quem ele matou dessa vez?". Comprei "Um porto seguro - com a capa do filme" tem pouco tempo e espero ler em breve. Ótima resenha.

    ResponderExcluir
  10. Tenho vontade de ler esse livro, mas no momento estou o evitando pois sei que irei chorar quando lelo.

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!