14 de fev de 2013

Nove minutos com Blanda por Fernanda França

Ótimo panorama. A minha mãe e a minha sogra planejavam o meu casamento, eu nem sequer sabia se o meu namorado queria se casar comigo e eu não parava de pensar em um cara cujo nome eu desconhecia. Naquele momento, pensei: “Sou a pior espécie de mulher que já existiu, mas não posso desistir de mim mesma, senão estou perdida”. Decidi dar uma chance para o que é real e tentar esquecer a história de cinema com o gerente de banco que era baterista. Até porque história de cinema é escrita para cinema e só acontece no cinema. Seria diferente comigo?

Autora: Fernanda França
Editora: Rai
ISBN: 9788581460468
Páginas: 224
Nota: 
Comprar

Como bookaholic, sempre defendi os gêneros que fazem parte da minha estante. Afinal, estão ali porque quero ler e gosto. Nessa linha, sempre fui a favor de chick lits. Literatura de mulherzinha, fútil, boba e com protagonistas ruins? Pois é, esteriótipos, preconceitos, casos levados em consideração por uma (ou duas) experiência(s) ruim(ns). Existem casos e casos. Existem chick lits e chick lits. Existe quem acerte no ponto fraco e acabe errando na parte mais clichê. Cada livro é um livro. E chega de repetir palavras como se fosse filosofia cult. 

Como o título já diz, a protagonista é Blanda, uma advogada desempregada que não tem certeza se escolheu a carreira certa e está com a carteira vazia. O coração? Er, ela tem um namorado, Max, preguiçoso e desencanado, mas que compensa na solidão. Eis que uma palavra dita sem pensar muda todo o panorama da sua vida em meras 24 horas, e quando se vê, a mãe e a sogra planejam seu casamento, sem nem mesmo um anel de noivado com diamante gigante. 

Nove minutos com Blanda é uma história apenas conduzida por personagens. Não tem nenhum núcleo forte centralizando e dirigindo tudo, é somente o dia a dia que leva à isso e àquilo. O que acontece é que tudo é muito repentino. Num dia Blanda só tem problemas em arranjar um emprego, no outro não sabe mais o que quer da vida, quem é, e por que está se sentindo atraída por um gerente de banco/baterista bonitinho se finalmente conseguiu oficializar o romance com Max e está noiva. Como são poucas páginas, tudo correu bastante e acabou perdendo a credibilidade.

Criticamos clichê, mas sempre é melhor quando a gente já sabe o que vai acontecer. Quer dizer, sabe quem é o mocinho do caso. Durante um período, Max não parece tão ruim quanto é narrado na orelha. Do mesmo jeito, Bernardo (o gerente de banco/baterista bonitinho) não parece ser significativo para o enredo na primeira vista. É sem borboletas no estômago ou dedos doendo. Depois disso... Ok, vou ficar quieta pelo spoiller, mas quero enfatizar que senti falta de diálogos entre os dois, ou apenas momentos, para ter uma base no relacionamento. Parece que estamos falando de casal secundário, não da vida da protagonista.

Fernanda França é boa na comédia. Seus livros são repletos de tiradas engraçadas e gargalhei várias vezes. Não sei se é porque o livro é muito corrido, mas achei Blanda uma protagonista bastante decidida, que faz o que quer e pronto, sem mimimi. Gostei dela, gostei do livro, só não consegui acreditar na história. Como passatempo é bom, super rápido, mas está longe (muito longe) de ser uma literatura profunda.
Bjs,
Para vc que me ama, Girlie Poderosa

10 comentários:

  1. Não conhecia, e até que fiquei interessado pela leitura! Parece ser um livro divertido!

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Eu adoro a Fernanda eu li o Malas, Memórias e Marshmallows dela e achei que ela correu também no final, não li esse ainda, mas eu gostei da narrativa da Fernanda, e gostei também da sinopse, seria um livro pra ter na estante com certeza.

    Michelle Boyd
    The Little Things

    ResponderExcluir
  3. Nunca li outros livros dela, mas esse parece ser divertido.
    Nao parece ser um livro mt diferente e tals, ou que surpreenda mt, mas parace que garante umas risadinhas. XD
    Esse estilo de livro me lembra uma outra escritora, que nao lembro o nome agora. --'
    Mas no geral o livro parece ser bem legal.
    bjim

    ResponderExcluir
  4. Bem nunca li nada da autora, porem o livro me parece ser legalzinho de se ler.

    ResponderExcluir
  5. super mi interessei, achei interessante , muito divertido, amei amei, a capa já adorei !

    ResponderExcluir
  6. achei muito legal, a acapa uma delicia, muito legal, amei demais

    ResponderExcluir
  7. Adorooooo Chick Lit e também defendo com unhas e dentes. Leu Melância e acha que conhece o gênoro? Bit me! Sobre o livro: Não conhecia o livro, mas ja vi nas estantes da Saraiva o Malas, Memórias e Marshmallows que é da mesma autora, e lembro de ter ficado muuuuuuuuito curiosa, mas tava lá pra comprar um presente pro melhor amigo, com a grana curta, então passou batido. Agora fiquei ainda mais curiosa sobre ele e adicionarei o 9 Minutos com Blenda, que parece ser super levezinho, bem domingo-tedioso-a-tarde. Listado no skoob? Com certeza.

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia esse livro, mas gostei bastante da sua resenha, vou colocá-lo na minha lista... Não sei o que o povo tem contra os Check-list, adoro kkkk

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia esse livro. Não me interessei muito pelo enredo, não tenho nada contra chick lits, pelo contrário, gosto muito. Mas o que mais me chama atenção nesse tipo de livro é o romance e se isso não foi bem desenvolvido não me interesso.

    ResponderExcluir
  10. Obrigada pelo carinho e pela resenha! :o)
    Alegrias,
    Fernanda França.

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!