12 de dez de 2012

As joias de Manhattan por Carmen Reid

As joias de Manhattan
Como todos os planos malucos, este foi planejado em um guardanapo de papel.
1. Roubar joias fabulosas 
2. Vender as joias por milhões 
3.Viver feliz para sempre
Era um plano brilhante e parecia tão simples... depois de ter tomado vários coquetéis. Não era tão simples assim... se nunca roubou nada antes e se namora um policial. As três irmãs Jewel, Amber, Sapphire e Em, foram para Nova Iorque em busca da vida perfeita. Mas precisam roubar seu sonho? Ou vão conseguir resistir à tentação? Um conto romântico, maravilhoso e cintilante para quem já sonhou em ter uma vida mais brilhante.

Autora: Carmen Reid
Editora: Bertrand Brasil
ISBN: 9788528616224
Páginas: 341
Nota: 

Eu sempre defendi chick lits. Eu gosto do gênero, me ofendo quando chamam de literatura boba para mulherzinhas e coisas do tipo. Mas preciso reconhecer que nem sempre os livros são bons. Como em qualquer outro estilo, vários elementos precisam se fazer presentes para o todo funcionar. Não é apenas a narrativa, ou só os personagens e coisas individuais. É o conjunto. A soma é a parte mais complicada.

Desde que li a sinopse de As joias de Manhattan, gostei do plot principal e, baseada nos comentários sobre a autora, estava bastante confiante com o livro. Imagine três irmãs que estão tentando a sorte em NY, e, durante um porre, traçam um plano para roubar joias e ficarem milionárias. É uma ideia boa, é algo que chama minha atenção e que tinha muitas chances de ser divertido. Só que não é bem assim que acontece. Na verdade, é muito diferente.

Senti que quem protagonizou a história foi Amber, a irmã mais velha e certinha, que tinha acabado de perder o emprego e continuava tentando vencer na vida. Em outras palavras: ela é chata e entediante. Protagonista sem sal, sabe? Quem coloca lenha na fogueira é a caçula, Em, cleptomaníaca-não-assumida e ambiciosa. Ela quer roubar as joias, ela traça o plano, ela faz o que quer e é divertida. Sapphire, é a romântica e irrelevante, nem participa do roubo (que a propósito, é o começo da história e só acontece lá pela página 150).

Esse não é o primeiro livro de Carmen, ela já tem bastante experiência no mercado editorial. Mesmo assim, parecia um debut. O meu desejo era que Sophie Kinsella tivesse tido essa ideia primeiro e escrito As joias de Manhattan. Esse sim seria para morrer de rir. Carmen, entretanto, não sabe fazer piada. O mais perto de um sorriso seria com os diálogos alheios à história em todo inicio de capítulo. Ficar emocionada? No máximo alguns suspiros para Jack, o namorado detetive de Amber.

Vivo batendo na tecla que quem nunca leu chick lit e tem um pequeno preconceito com o gênero, não pode começar com qualquer livro. As joias de Manhattan, por exemplo, não seria a recomendação certa nem de longe. É um livro bom, é uma história legal, só que faltou criar a comédia e fluidez. Não é que eu não tenha gostado, mas está longe de ser meu 12º favorito (os 11 primeiros são da Sophie). 
Bjs,
Para vc que me ama, Girlie Poderosa

13 comentários:

  1. ainda não li nenhum livro dessa autora, mas pelas resenhas que vejo ela deve escrever bem mesmo...
    eu acho que nunca li um chick lit... não entendo direito o que é esse gênero, mas parece ser legal, e não bobo como muitos dizem!

    ResponderExcluir
  2. Eu gosto do gênero chick lit, um dos meus objetivos ano que vem será ler um dos livros da Sophie Kinsella (afinal você elogia tanto). Voltando pra resenha, esse livro não me interessou muito, pela sinopse senti uma pegada de "Falta algo ao conjunto" que não me empolgou, e que sua resenha me confirmou. As protagonistas me parecem um tanto estereotipadas demais... E o plot demora pra ser posto em prática... Esse livro eu passo.

    ResponderExcluir
  3. Nunca li nenhum livro dessa autora, na verdade nunca tinha ouvido falar sobre ela, nao que eu me lembre, mas achei a capa ate fofoinha. O problema e que esse tipo de livro passa logo a impressao d eser bem bonitinho, dai nem me chama a atenção.
    E vi tbm que ele levou 3 estrelas...
    Nao achei ele tipo O livro, mas parece ser divertido. Mas so como uma leitura rapido.
    bjim

    ResponderExcluir
  4. Eu gosto muito de chick lits, então acho que posso fazer uma crítica, né? rs
    Não gostei muito da história, e pelo que você descreveu, me pareceu uma narrativa bem mais ou menos, faltando elementos super essenciais, como a tal fluidez, a comédia e um pouco mais de "liga" na trama.
    Pode ser só impressão, mas acho que não.
    bjs

    ResponderExcluir
  5. A história é boa, mas precisa tatento para render um bom livro, e ao que parece, não aconteceu.Mas, quem nunca pensou em cometer uma loucura para ganhar milhões...hehehehe.

    ResponderExcluir
  6. Quando li a sinopse fiquei muito interessada e pensei que sua resenha diria que o livro é muito bom. Gosto de ler suas resenhas exatamente por causa da sua sinceridade, esse será um livro que não irei ler.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  7. 3 estrelas ? Poxa esperava muito mais desse livro, quando li a sinopse, mas ainda estou ansiosa para lê-lo.
    Sua resenha dele ficou ótima.
    Beeijos amore.

    ResponderExcluir
  8. Não leria uma vez que só ganhou 3 estrelas,acho que tem livros que me acrescentaria mais.Bjs

    ResponderExcluir
  9. Ainda não li nada dessa autora mas a capa e sinopse parecem ser tão bons, se ler esse livro vou tentar não julgar a autora e o genero por um livro não tão bom.

    ResponderExcluir
  10. O livro nao me prendeu nenhum pouquinho e a capa nao gostei tambem.

    ResponderExcluir
  11. ainda naum li , mas parece ser uma graça , em breve vou tirar um tempo para ler ele

    ResponderExcluir
  12. Ainda não li livros da autora mas esse parece ser bem chatinho. Beijos

    ResponderExcluir
  13. Bom,como trabalho em uma livraria,escuto direto opiniões dos clientes,sempre houve comentários positivos sobre a carmen, porém esse livro parece nao ter agradado muito, e com razão. Sou fã de chick lit, e comprei esse livro assim que chegou na loja, confesso que me arrependi, esperava mais da historia.

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!