3 de dez de 2012

A maldição do lobisomem por Shannon Delany

A maldição do Lobisomem - 13 to life #1
Quando Jess Gillmansen é chamada para comparecer à sala da direção, ela pode somente imaginar ser por duas razões: Eles finalmente descobriram quem escreveu o editorial criticando os valentões da escola, ou mais uma reunião para falar sobre a recente morte de sua mãe. Porém inesperadamente ela descobre que a direção da escola quer que ela apenas sirva de guia para o novo aluno – mas ele chega com seus próprios problemas, que inclui uma escolta policial. O mais novo membro da escola Junction High, Pietr Rusakova possuiu segredos para esconder – segredos que acabam levando grandes problemas para a pequena cidade de Junction – incluindo mudanças tão dramáticas que certamente acabaram com sua vida mais cedo. 

Autora: Shannon Delany
Editora: Universo dos Livros
ISBN: 9788579301803
Páginas: 336
Nota: 

Onde estão os romances young adults sobrenaturais que a gente via tanta dois anos atrás? Você sabe, com um casal protagonista, uma garota humana, um garoto inumano, um amor proibido... Ah, galera, Stephanie Meyer não causou tanta polêmica para sumir do mapa em tão pouco tempo. Agora sempre tem um triângulo amoroso, cinco mil espécies e sabe se lá mais o que. Não estou reclamando, algumas das minhas séries favoritas seguem esse padrão, mas eu senti falta do bom e velho YA sobrenatural. Eu não sabia o quanto sentia falta até A maldição do lobisomem cair nas minhas mãos. É tão bom!

É quase um clássico: Jess é a garota solitária, que perdeu a mãe e tem apenas duas amigas, o pai e a irmã. Ela tem uma quedinha por Derek, o jogador prodígio, e está bem assim. Então aparece o misterioso Pietr, para quem fica responsável de mostrar a escola. Comum, clichê, legal. Gostei que Shannon tenha sido lógica e não criado uma paixão avassaladora depois de dois minutos. É uma relação bem evoluída (com uma pequena aversão no inicio ♥), e cheia de química.

Eu concordo que a fórmula básica desse estilo literário precise de um acréscimo especial para garantir espaço. Sem criar outra pessoa para atrair a protagonista, colocar vampiros, bruxos, fantasmas e unicórnios da vida, a autora foi inovadora. Política é algo bem alheio à livros YA não distópicos, e a sacada da mafia russa é bem esperta. Eu gosto desse elemento, é bem amplo e pode ser bem emocionante. Só que como esse é o primeiro livro, as explicações foram bem reduzidas. A mitologia da série vai ser mais explorada adiante. Aqui é só o começo.

Eu gosto de Jess, porém tem uma característica dela que eu repudio em qualquer protagonista: altruísmo. Não é que ela seja a Srta. Bondade Humana, mas em uma única situação, a forçação de barra é bem pesada. Vários personagens, como a melhor amiga Amy, e o próprio Pietr tentam fazê-la enxergar, mas né, elas nunca veem. Mas tirando isso, ela é uma boa personagem, cheia de determinação e sarcasmo. Já Pietr... Bem, Pietr é misterioso, fofo, tem um meio sorriso carregado de ironia e sotaque russo, que mais você pode querer?

Lobisomens, um casal incrível e mafia russa - melhor do que isso só se desse para ouvir o Pietr falando (#todasamasotaque). A autora escreve muito bem e é bem cruel na hora de terminar capítulos. Você simplesmente não consegue parar de ler (por mais que seja madrugada e você tenha prova de filosofia de manhã cedo). Adorei, senti falta do gênero e quero logo a continuação! Recomendo.
Bjs,
Para vc que me ama, Girlie Poderosa

17 comentários:

  1. nossa, não conhecia este livro, nem a autora, mas fiquei super empolgada com a sua resenha!
    vai para a minha lista, com certeza *--*

    ResponderExcluir
  2. UAU.
    Sua resenha foi incrível mesmo.
    Eu gostei de saber que a autora não fez o amor super rápido que aparece no começo dos livros.
    Me interessei muito pelo livro.
    Parabéns pela resenha.
    Beeijos

    ResponderExcluir
  3. Você tem completa razão e falou o que eu estava tentando expressar há algum tempo. Onde foram parar os clássicos?
    Realmente a fórmula está bem batida, mas ainda prefiro livros assim do que com um arco-íris de espécies e a necessidade de um triângulo amoroso para dar sentido ao romance.
    Gostei muito da história e pretendo ler. Fazia tempo que não me animava para ler livros do gênero!
    Valeu pela dica! *-*
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Ah, você tem razão, adoro um bom clássico. Não aguento mais esse lance de mocinhas bobas de 17 anos que amam um rapaz, mas sempre beijam outro. Que amor é esse meu pai?
    Fiquei super curiosa pra começar a leitura e acompanhar de perto a interação desse casal.
    Um beijo ;*

    Juliana . Oliveira
    trocandoconceitos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. É difícil não de contagiar com a sua animação, fiquei com muita vontade de ler esse livro.

    ResponderExcluir
  6. unca tinha ouvido falar desse livro, mas pela sua resenha ele pareceu ser muito interessante, apesar de lobisomens não serem o que eu mais gosto de ler, mas fiquei encantando com a capa, muito, muito, muito linda, se fossem florestas atrás seria mais linda ainda, que pena que em vez disso colocaram uma cidade...
    mas enfim...
    gostei da sua resenha e simpatizei com o livro
    bjim

    ResponderExcluir
  7. Eu tenho um problema com romances young adults sobrenaturais, eu simplesmente não consigo embarcar. Lobisomem, vampiro, seja lá o que for, eu não me empolgo. Apesar da sua resenha super positiva, não me interessei pelo livro.

    ResponderExcluir
  8. Apaixonei!!!!!! Amei sua resenha nas primeiras linhas já gostei, e no final já tava querendo o livro. Misterioso, fofo, meio sorriso . . . será um parente distante de Damon Salvatore????

    ResponderExcluir
  9. Só de ter uma protagonista com sarcasmo já e um fato diferente! Mas esse tipo de ficação não me anaima muito.

    ResponderExcluir
  10. Nunca tinha ouvido falar nesse livro, gostei dos elementos diferentes e dos iguais também;
    Sua resenha ficou ótima.
    Mil bjs

    ResponderExcluir
  11. A resenha me cativou,fiquei ansiosa pra ler!!!

    ResponderExcluir
  12. Nunca tinha visto esse livro e me deu muita vontade de ler, é um tipo que ainda não li, envolvendo lobisomens, a autora foi bem inovadora considerando que normalmente estão sendo lançados vários livros sobre vampiros e anjos, quero ler ele logo. Beijos

    ResponderExcluir
  13. Livro e autor novo pra mim, o enredo da historia me chamou muita atenção o livro tambem parece ter uma narrativa otima!! Ja ta na minha lista.

    ResponderExcluir
  14. a resenha esta otima, deu até pra senti um medinho basico

    ResponderExcluir
  15. não conhecia ta tenso esse negócio de menininha apaixonada aeuheuehe parece ser bem interessante por suas palavras..

    ResponderExcluir
  16. A resenha me convenceu ainda mais a ler! Triângulos amorosos nunca me cansam se tiverem um enredo diferente. E sotaque russo, baby. Todas morrem imaginando o Pietr falando *OOO* Não curto muito lobisomens (sinceramente, foi a frustração da minha vida na saga Twilight e em The Vampire Diaries) porém, existe sempre uma exceção! Amei sua resenha!
    Beijos!
    http://umaleitorachamada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!