14 de ago de 2012

Gossip Girl: Psycho Killer por Cecily von Ziegesar

Gossip Girl: Psycho Killer
Bem-vindo ao Upper East, NY, onde meus amigos e eu vivemos, vamos para o colegio, nos divertimos, dormimos e, às vezes uns com os outros. É uma vida de muito luxo, mas alguém tem que vivê-la. . . Até morrer.

Autora: Cecily von Ziegesar
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501400017
Páginas: 320
Nota: 

Todo mundo sabe que sou completamente e enlouquecidamente apaixonada por Gossip Girl, totalmente pirada pela vida dos adolescentes riquinhos do Upper East Side. Só que com os livros, a história é outra, bem diferente. Não sou fã de Cecily von Ziegesar, embora ela seja a grande criadora. Entretanto, Gossip Girl Psycho Killer, seu mais recente lançamento, é tão maluco que eu gostei. A autora é muito melhor quando larga o drama e parte para comédia... Quer dizer, para o terror. 

A ideia inicial é a mesma de Gossip Girl original, com Serena voltando do internato, tentando reconquistar a amizade de Blair, que está preocupada em não perder Nate, que gosta de Serena. Aquela confusão básica típica de triângulos amorosos. O que muda dessa vez é que as protagonistas viram serial killers - sem medo de sujar o vestido Chanel com sangue alheio. 

Não existe melhor palavra para descrever que bizarro. É extremamente absurdo o modo que tudo acontece. Sabe quando você acorda com vontade de usar salto alto ou comer chocolate no café da manhã? Então, Serena e Blair acordam com vontade de matar. Cruzou no meu caminho? Morra. Está me atrapalhando? Morra. Seu sapato é igual ao meu? MORRA, MORRA, MORRA!

Cecily von Ziegesar, ao decidir escrever essa nova versão, tinha dois caminhos para escolher. Podia fazer a linha livro policial normal, onde os assassinatos fossem bem calculados e com motivos lógicos. Tinha a chance de fazer o oposto, partir para o lado engraçado da coisa, com mortes sinistras e fictícias demais. No final de tudo, acabou sendo engraçado, funcionou melhor desse jeito. A irrealidade da autora é divertida.

Nunca gostei de Serena, acho que toda a culpa da história é dela (afinal, quem fugiu? Quem foi para o internato sem se despedir? Quem ficou com o namorado da melhor amiga?). Torci contra ela e seus planos malucos - não me importaria que Blair acabasse com seus cabelos louros brilhantes. É esse o enredo central de todo livro, o grande foco é nelas. Chuck Bass, lindo e maravilhoso, já não tinha tanto destaque quando não tinha assassinos, agora então... Até Vanessa aparece mais que ele. Jenny é incompreensível, Dan é só o garoto excluído que quer se matar enquanto escreve haikai depressivos. Sete personagens principais, 320 páginas, 250 é só para Blair e Serena. Equilíbrio: nope.

Considerando todos os outros livros da autora que já tive a oportunidade de ler, esse é o melhor. Cecily tem uma faceta divertida que esconde quando está bancando a autora número um em intriga, fofoca e malicia. Gossip Girl: Psycho Killer é pra rir, para revirar os olhos e se divertir. Também é para dar saudade do seriado e implorar que outubro chegue logo. Leia - mas não se espante com as bizarrices que acontecem no Upper East Side.
Bjs,
Para vc que me ama, Girlie Poderosa

11 comentários:

  1. Li todos os livros da série Gossip Girl, e estou com muita vontade de conhecer esse lado mais sangrento do Upper East Side. Concordo com você: prefiro 100% o seriado!!!

    Beijos
    Lucas
    http://ondeviveafantasia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Gosto sa série de TV, mas nunca li os livros... Mas esse aí pode se que um dia eu leia... Parece bizarro mesmo, mas engraçado apesar de tudo.

    ResponderExcluir
  3. Uma pergunta, quem não leu os livros da série, mas tem uma base da série dá pra ler numa boa esse livro né, gostei demais da resenha. Beijos.

    Leituras Vivas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rafael! Pode sim, mesmo que nunca tenha ouvido falar de Gossip Girl, já que Psycho Killer foi uma readaptação do primeiro livro, Delícias da Fofoca. Leia tranquilo! Obrigada pelo comentário :D Bjs.

      Excluir
  4. Vou ser cincera nunca assisti a serie e nunca me interessei em ler os livros e por mais que ssua resenha esteja otima eu não centi muita vontade de ler a serie ! ^^

    ResponderExcluir
  5. li os 2 primeiros livros da série, mas pretendo ler o resto!

    ResponderExcluir
  6. Eu não gosto muito, mas gostei da resenha.; rs

    ResponderExcluir
  7. Entre idas e vindas gosto muito da série de TV, mas não li nenhum dos livros, apesar de ter bastante interesse. Quando soube que o primeiro livro seria (re)lançado com esse "estilo" fiquei meio na dúvida sobre o que esperar, e sua resenha me esclareceu alguns desses pontos. Mas esse livro não entrou na minha imensa lista de leituras pra tão cedo.

    ResponderExcluir
  8. Imagino que deve ser bem divertido ,mesmo! Sempre desconfiei da dissimulada da Serena Van de Woodsen...debaixo de todo aquele típico ar pobre menina riica , tinha uma serial killer ..kkk Nunca li GG ,mas acompanho a série e gosto bastante, apesar de achar que essa 5º temporada tava mt chatinha. bjim

    ResponderExcluir
  9. Nunca assisiti a serie , e não me interresei em começar a ler os livros... Principalmente por que são muitos !!!

    ResponderExcluir
  10. Eu amava a série, dai fui ler os livros.. que decepção, preferi mil vezes a série e larguei de mão, mas fiquei com curisiodade sobre esse livro..heeh

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!