22 de jul de 2012

Centúrias por Bruna Longobucco

Centúrias - Centúrias #1
“Nem assumindo minha verdadeira natureza eu conseguia libertá-lo. E as outras bruxas não podiam se mover. Parecia que tudo estava perdido. Segurei a chave, tentando resgatar meus poderes, lutando contra o bloqueio negativo que me enredava e ameaçava a vida de Igor. Se houve um tempo em que não acreditei no amor, agora não acreditava na possibilidade de existir sem tê-lo ao meu lado. Havia muito em jogo. A ordem centuriana; a vida das criaturas claras; meu sol. Por isso, eu precisava reagir. Já havíamos passado por tantas coisas e não seria justo que após tantos desencontros fôssemos separados novamente. Repassei os ensinamentos da feiticeira-anciã. A resposta, ela dizia, está dentro de nós. É preciso acreditar na magia. Foi então que percebi: eu não lutava apenas contra os meus inimigos. Lutava contra o peso da realidade e de minhas próprias limitações”.

Autora: Bruna Longobucco
Editora: Novos talentos da literatura brasileira
ISBN: 9788576793038
Páginas: 218
Nota: 

Tem certos seres sobrenaturais que parece ser impossível mexer na estrutura mitológica, criar teorias diferentes parece estranho e desnecessário. Mas então, certo dia, surge Stephanie Meyer e refaz toda uma imagem dos vampiros sádicos que você conhecia. O mesmo vai para os livros de bruxaria: J.K.Rowling manteve as varinhas, mas foi uma das únicas. Os bruxos de hoje agem com a força do pensamento, invocar elementos é o novo pronunciar palavras em latim.

Depois de sua mãe terminar pela enésima vez com o novo namorado e decidir se mudar, Aylá chega em Pitfal esperando só mais alguns meses para precisar encontrar um novo lar. O que ela não esperava é que a nova cidade, interiorana e sem graça, guardasse segredos que mudariam sua vida. Lá é a origem de várias lendas sobre bruxas, e Aylá é uma delas.

Centúrias é diferente de tudo que já li, uma história realmente criativa. Mesmo sendo sobrenatural, não liguei com nenhuma outra série, sem comparações, sem expectativas. A história principal tem um ritmo bom, as informações não são largadas as pressas, nem lentamente demais. Quer dizer... Eu peguei alguns pontos importantes muito antes da protagonista, mas ok, isso acontece.

Posso falar? Não gostei de Aylá. Ela é divertida e eu ri bastante com ela em algumas partes, mas como protagonista não convence. Muito "cega", não enxerga o que tá na sua frente. O caso piorou quando apareceu Igor, o mocinho da história. Personagens apaixonadas são irritantes, com licença. De inicio, Aylá era mais centrada e racional, conheceu Igor e "OMG! Está chovendo algodão doce cor de rosa!". Diferente da mitologia das bruxas de Pitfal, o ritmo do romance não foi bem planejado: rápido demais, intenso demais.

A narrativa é confusa, uma grande indecisão entre primeira e terceira pessoa. Sem exagero, mas numa mesma página tinha coisas como "Eu fui na padaria. Aylá comprou pão." (frases fictícias, tá?). Os diálogos, mesmo que tivesse ótimas tiradas, eram excessivamente coloquiais, cheios de gírias que hoje estão "over". Além disso, uma nova revisão não cairia mal.

Por um lado, adorei, já o outro me incomodou. Centúrias tem uma história interessante, criativa e que pode muito bem ser cativante, mas não foi bem formada. A narrativa tem falhas grandes, a protagonista não ganhou meu carisma, e Aylá e Igor não me convenceram como o casal apaixonado que supostamente são. Não é um livro "tem que ler obrigatoriamente para viver", mas se tiver a chance, leia!
Bjs,
Para vc que me ama, Girlie Poderosa

12 comentários:

  1. Ganhei esse livro há um tempinho mas ainda não li... agora fiquei mais em dúvida ainda se vou lê-lo. concordo com vc com essa coisa da mutabilidade atual dos seres fantásticos... ainda não lido bem com isso...

    ResponderExcluir
  2. Não gostei, não conseguiria ler pela confusão da escrita, e o tema também não interessou.

    ResponderExcluir
  3. não me atrai muito pelo livro não :S

    ResponderExcluir
  4. Não gostei muito do livro mana ! Gosto de outro tipo de livro !

    ResponderExcluir
  5. Não gostei do livro, muito menos da capa!
    Não seria um da minha lista de desejos, pode ter certeza!

    ResponderExcluir
  6. Olha, eu até gostei do enredo do livro, mas não estou podendo acrescentar mais nenhum em minha lista que está gigante! rsrsrsrs... quem sabe futuuuuramente! Mas bem que eles podiam ter mudado a capa... achei bem feinha.

    ResponderExcluir
  7. Nos primeiros parágrafos da resenha estava curioso para ler o livro, mas depois que você falou sobre a personagem ser chata e mudar a pessoa da narrativa fiquei totalmente desanimado! E ainda por cima os diálogos são tão assim ultrapassados... melhor nem ler!

    ResponderExcluir
  8. Tem uma capa e história interessante, mas não sei se leria.

    ResponderExcluir
  9. Não....esse não me convenceu não. Passo, não fui com a cara dele =/

    ResponderExcluir
  10. Não gosto de livros que tem grandes falhas,pois geram muitas dúvidas.
    BJs

    ResponderExcluir
  11. Mais um livro que eu não conhecia.Isso de entender coisas antes da protagonista é realmente bem natural. A história me interessou então marquei no skoob, mas isso de não se decidir por uma narrativa me deixou bem incomodada.

    ResponderExcluir
  12. Olha, desde que esse livro foi lançado nunca tive vontade de ler. Geralmente, os livros nacionais me agradam muito, mas esse não me chamou a minima atenção. Realmente a resenha começou bem, fiquei curiosa, mas depois desencantei.
    Bj

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!