31 de jul de 2012

Aluga-se para temporada por Mary Kay Andrews

Aluga-se para temporada
Depois de ser despedida inesperadamente do emprego, Ellis começa a questionar as escolhas que havia feito na última década de sua vida. Julia é modelo e mantém um relacionamento com um homem que a ama e deseja se casar com ela, mas está muito insegura com sua aparência e com a possibilidade de mudar de vida. E Dorie se divorcia quando o marido descobre que está apaixonado por outro homem, descobrindo em seguida que está grávida dele. Assim, elas resolvem passar um mês na Carolina do Norte para repensar suas vidas, mas quando encontram uma estranha em busca de abrigo tudo pode acontecer. 

Autora: Mary Kay Andrews
Editora: Essência
ISBN: 9788576658818
Páginas: 363
Nota: 

Sou só eu que tento coordenar datas da vida real com literatura? Como o clássico ler sobre férias quando você está de férias? Isso aproxima leitor e personagem e você acaba sentindo maior empatia pela história, mesmo que seja do outro lado do mundo e tenha sociedades secretas de mafiosos lobisomens por lá. Não que esse seja o caso de Aluga-se para temporada, da americana Mary Kay Andrews. Quer dizer, seu livro não tem sociedades secretas de mafiosos lobisomens, mas seu cenário é uma praia, seu período é um mês de férias... Só isso já não deixa você mais relax?

As vidas de Dorie, Ellie e Julia não andam a mil maravilhas. Ellie, uma grande workaholic, acabou de ser demitida. Dorie está se divorciando. A carreira de Julia não está com o mesmo gás que antes. Mas ao contrário de passarem as férias de agosto deprimidas com um pote de sorvete, elas vão para Ebbtide, uma casa de praia. Entretanto, as três amigas não estarão sozinhas. Ty Bazemore é o locatário da casa, falido e que não causou uma boa primeira impressão. Tem também Madison, que aluga o sótão da casa, e não deixa ninguém saber muito mais do que isso. Um mês é muito tempo...

A premissa do chick lit é interessante, talvez um pouco rasa. Férias, mulheres com problemas... O toque especial de toda história é o mistério por trás de Madison, embora o leitor tenha oportunidade de descobrir os segredos por trás da personagem um pouco antes. Isso foi o diferencial: além de romance e crises existenciais femininas, uma história maior, um enredo mais firme. Eis o ponto positivo de Aluga-se para temporada.

Em compensação, o livro se arrasta. Primeiro de tudo, ele é enorme - e seu tamanho assusta quase tanto quanto descobrir que aquele pseudo-tijolo tem apenas 360 páginas. Ele é bom, mas faz parecer que a leitura não rende. Parece que leu 100 páginas quando, na verdade, leu apenas 20, talvez 30. As personagens são fracas, suas tiradas não tem nada demais. O romance até que é fofinho, mas não prende. Eu remei, remei, remei, e foi uma alegria chegar na praia e dizer "Enfim, terminei".

Eu gostei do livro, mas não gostei de passar dias e dias o encarando do lado da cama. Parece que o espirito de férias das personagens junto ao meu, não teve um bom resultado, e foi muita preguiça reunida. Um núcleo interessante, outros vários cansativos. Aluga-se para temporada não foi nenhum marco pra mim, mas se for seu estilo, quem sabe...
Bjs,
Para vc que me ama, Girlie Poderosa

10 comentários:

  1. Gostei da história, mas depois que li sua resenha não sei se vou me esforçar para lê-lo! É horrível quando parece que você leu a história, mas não rendeu!!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. A essência agora tá lançado mais livros assim? puxa... não sabia rs
    Ai, livro arrastado é o OH, já basta o que to lendo que to pra jogar pro alto (a intuitiva).
    Você não gostou mesmo... acho que deveria ter lido fora das ferias, ler nela não foi bom, apesar de achar que isso não teria adiantado muita coisa. Esse eu passo, não me interessou.

    ResponderExcluir
  3. aaaah, estou de férias mas com tantas coisas para fazer minhas leituras estão ficando para trás :(
    gostei bastante da resenha, não gosto de praia e prefiro passar as férias em casa, mas parece ser uma boa narrativa!

    ResponderExcluir
  4. O livro me pareceu muito cansativo, acho que eu não leria...

    ResponderExcluir
  5. Me deu muita vontade de ler Aluga-se para Temporada. Que resenha gostosa!É bom quando a gente pega um romance gostosinho, despretensioso como um filme da Sessão da Tarde. rsrs
    Para romances eu estou sempre com vontade de ler, seja qual for.
    Também tenho muito tempo que não faço uma viagem só com minhas amigas.. era sempre tão bom e divertido.
    Mas sempre que a gente se encontra é maravilhoso!
    bjim

    ResponderExcluir
  6. Hum nao me interessei muito , pois achei muito parecido com enredo de filme da sessão da tarde.
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Às vezes também tento coordenar datas (ou fatos) da vida real com literatura, mas nessas férias não li nenhum livro em que os personagens estivessem de férias. Esse livro não é muito meu estilo, acho que ficaria com a mesma sensação que você teve ao lê-lo.

    ResponderExcluir
  8. Não sei se eu gostaria de ler esse livro. Alguns pontos que vocÇe levantou me desanimariam bastante :(
    De todo modo, ótima resenha!
    Isabela

    ResponderExcluir
  9. Já vi esse livro e tinha achado ele bem legal. Queria ler!!!

    ResponderExcluir
  10. Dispenso ! Já tenho muitos livros na lista pra mim ler ! ^^

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!