21 de dez de 2011

Verão e... Praia e... Biquínis!

21 de dezembro: marco de um ano para o fim do mundo segundo uns, solstício de inverno segundo a turminha do Rick Riordan, e, no geral, é a oficialização que nós temos mais três meses no mínimo para sermos torturadas com esse calor digno do inferno. É A TREVA (#dasantiga). Nessa época do ano, nada parece agradar. O ar condicionado mais potente não é forte o suficiente, a roupa mais leve ainda é quente, o sorvete não refresca a alma e a Coca Cola tá sempre morna, mesmo depois de passar horas no refrigerador. E o que você faz nesse momento? chora, dorme, foge para o pólo norte Cai de cabeça na piscina ou praia mais próxima!
Os modelos de moda praia para esse verão foram apresentados lá em junho/julho (reveja os Especiais Fashion Rio e SPFW aqui), mas mantém o shape já conhecido de outras temporadas. As maiores tendências na moda dos últimos anos, como o militarismo por exemplo, pouco foram adaptadas para biquínis e maiôs, e os mesmos já estavam adiantando a pegada seventies, bem hippie. Como o verão 2012 entrou com tudo no túnel do tempo direto para os anos 70, a moda praia seguiu a risca a inspiração da década, e o resultado?
Geometria compondo uma linha color blocking junto da estamparia tribal, com motivos étnicos, muito animal print e estampas tropicais. Cores quentes como amarelo e laranja, além de variados tons de coral, fazem parte da cartela do verão. Tons neutros deixaram de ser zona de conforto para dar espaço para uma das maiores "fashionisses" da temporada: aplicações!
O brilho de aplicações de pedrarias e bordados são um ponto alto! Fivelas e adornos metálicos fazem parte da trend, além de texturas como o drapeado em modelagens trabalhadas em dobras e origamis. Crochê tem essa pegada rústica que tá com tudo - e é um trabalho artesanal (#anote) e uma graça a mais. Falando em graça, babados também é um detalhe que aparece forte na moda praia.
Com toda esse movimento hippie fashionista, nada mais esperado do que usar tecidos naturais (pagar de hippie usando tecidos que não sei lá qts animais morreram não dá, né?). Algodão e linho podem sim ser sofisticados, juntos de transparencias, camadas e aplicações.
Explosão de estampas, sobreposições e tonalidades geométricas, além da absorção da cultura folk. Todos os tipos de inspirações se mixam para criar uma trend globalizada: patchwork de tecidos tradicionais ao redor do mundo, movimentos paz e amor, sedas asiáticas, influências mexicanas e indianas (com seus florais), dualidades, como discreto e semi-transparente, moda praia e lounge, o novo e o vintage, até mesmo os padrões unissex; o otimismo, os padrões e o folclore de anos passados. Esse verão promete!
Bjs, vou aprender a criar neve
Para vc que me ama, Girlie Poderosa

Um comentário:

  1. Amei o geométrico, amarelo e preto e o hippie azul.dá até vontade de ir na praia, mesmo moando perto, quase não vou, mas agora que as férias tá ai, quem sabe..

    Beijos :D

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!