6 de dez de 2011

Esparcktos: A descoberta por Sarah Linhares

Esparcktos: A descoberta - Livro #1

Eu acordei do pesadelo. Não, eu não acordei. Eu queria acordar, mas minha opinião não vale mais nada. Meu nome é Miranda, eu tenho infelizes dezesseis anos, recém-completados. Não, meu problema no momento não são as notas no colégio e nem achar o namorado perfeito. Eu sou uma criatura que eu imaginava ser incapaz de existir. E, acredite, não me orgulho disso. Você não se orgulharia se tudo o que viveu fosse uma mentira. Mas eu não vou ser dramática, eu tenho que enfrentar a novata que virou meu mundo de cabeça para baixo; tenho que aceitar que minha melhor e fútil amiga e meu par para o baile são cheios segredos; tenho que aturar um intruso que tinha tudo para ser o inimigo, porem está ao meu lado, me lembrando a toda hora que não é agradável ser quem eu realmente sou. Eu estou tendo que matar todas as lembranças de minha antiga vida para não ser morta.

Autora: Sarah Linhares
Editora: Baraúna
ISBN: 9788579233937
Páginas: 130
Nota: 
Comprar

Esparcktos tem uma capa interessante, uma sinopse curiosa, e principalmente, é bem pequeno. Eu não via motivos para não encaixá-lo entre um livro e outro. Eu sabia que a leitura seria bem rápida, e poucas horas depois de abri-lo já tinha lido a ultima página. Eu estava esperando bastante do livro e, bem, embora não tenha sido uma decepção, não foi o que eu esperava.

Agatha chegou e virou a vida de Miranda de cabeça para baixo. Tomou sua melhor amiga, Sam, e a impulsionou a ter uma overdose de drogas - mesmo nunca tendo ingerido antes. De repente Miranda descobre que toda sua vida foi uma farsa, até agora - e tudo graças a novata intrometida. Descendente de uma poderosa linhagem de bruxas, Miranda parece ser a unica em gerações com o poder de ter para si o anel de Esparktos - o bruxo mór. Só que o anel não é simples de encontrar... Não quando tem gente querendo te matar,

A história tem um potencial enorme, mas infelizmente não é explorado. Como tem somente 130 páginas e espaços generosos entre um capitulo e outro, a narrativa correu demais. Não dá tempo de criar teorias malucas, odiar o vilão, se apaixonar pelo mocinho ou torcer para a protagonista resolver seus problemas. Não tem motivos para se frustar sendo que daqui a cinco páginas está a resposta.

Se a linha cronológica rápida foi um erro na narrativa, a escolha de usar a primeira pessoa foi um acerto em cheio - é a melhor parte do livro. Eu simplesmente adorei a Miranda, suas tiradas mega sarcásticas e mal-humor que você ri. Já os diálogos são bobinhos e fracos - meio simples demais, sabe?

Como eu falei, não consegui desenvolver sentimento nenhum pelos personagens - embora tenha adorado os pensamentos de Miranda. Como é uma série acho que não poderia correr tanto. O primeiro livro pode ser assim, mas espero que os próximos sejam mais bem resolvidos (e que Miranda mantenha o bom mau humor).
Bjs,
Para vc que me ama, Girlie Poderosa
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!